Líderes do PT, DEM e PSDB estão conversando desde ontem sobre a possibilidade de isolar o PMDB no Conselho de Ética. A atuação da...

Líderes do PT, DEM e PSDB estão conversando desde ontem sobre a possibilidade de isolar o PMDB no Conselho de Ética. A atuação da Tropa de Choque, que culminou com o arquivamento das cinco primeiras representações pelo senador Paulo Duque (PMDB-RJ), desagradou os parlamentares petistas, que não concordam com a inexistência completa de investigações.

O PT teme o ônus eleitoral decorrente da pizza preparada para absolver Sarney e Renan Calheiros. Procurado pelo senador José Agripino Maia (DEM), líder dos democratas no Senado, o líder do PT, Aloizio Mercadante (PT-SP), teria aceitado discutir o comportamento dos senadores que, embora aliados ao governo, não pertencem ao PMDB.

A negociação foi confirmada por José Agripino. A primeira reunião aconteceu ontem ao meio-dia e meia. O resultado previsível da sessão do Conselho de Ética gerou novas conversas com o mesmo fim.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *