Co informações da Agência de Notícias do STF Foi suspensa a análise da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 54, na sessão plenária...

Co informações da Agência de Notícias do STF

Foi suspensa a análise da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 54, na sessão plenária desta quarta-feira (11). O julgamento será retomado nesta quinta-feira (12), a partir das 14h. Na sessão de hoje foram proferidos seis votos, sendo cinco favoráveis e um contrário à interrupção da gestação de anencéfalos.

O ministro Marco Aurélio, relator, votou pela procedência da ADPF no sentido de permitir a interrupção terapêutica da gravidez em caso de gestação de feto anencéfalo. Seu voto foi acompanhado pelo ministros Rosa Weber, Joaquim Barbosa, Luiz Fux e Cármen Lúcia Antunes Rocha.

A divergência foi inaugurada pelo ministro Ricardo Lewandowski, que votou pela improcedência da ADPF. Para ele, uma decisão de tamanha complexidade deve ser precedida de um debate com a sociedade e ser submetida ao Congresso Nacional.

Comentários

  • Junior

    11/04/2012 #1 Author

    Só um toque:
    O nome do Ministro tá errado no título!

    Abraços!!!

    Responder

    • Fábio Pannunzio

      12/04/2012 #2 Author

      Obrigado, Junior. Já está corrigido.Abraço

    • Junior

      13/04/2012 #3 Author

      Não foi por mal, viu?!?

    • Fábio Pannunzio

      13/04/2012 #4 Author

      Ao contrário, Jr. Eu agradeço muito observações como a sua e reconheço que tenho a digitação muito deficiente. Depois, tenho dificuldade em encontrar esses errinhos no texto. Aponte-os sempre que encontrar e você estará me ajudando. Obrigado uma vez mais.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *