Da Folha Online. O presidente do Conselho de Ética do Senado, Paulo Duque (PMDB-RJ), descartou realizar reunião do colegiado nesta quarta-feira para analisar os...

Da Folha Online.

O presidente do Conselho de Ética do Senado, Paulo Duque (PMDB-RJ), descartou realizar reunião do colegiado nesta quarta-feira para analisar os recursos apresentados pela oposição contra o arquivamento de processos contra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP). Duque disse que “talvez” realize reunião até o fim desta semana para analisar os recursos, mas a expectativa é que o peemedebista coloque os pedidos em análise do conselho somente na semana que vem.

O regimento do Senado não estabelece prazo para que Duque coloque os recursos em votação no plenário do Conselho de Ética. O senador negou, porém, estar disposto a retardar por muito tempo a análise dos pedidos da oposição –o que beneficiaria Sarney.

“Não tem prazo, mas recurso tem que ser analisado. Eu quero até mudar o regimento para fixar o prazo de 10 dias para análise dos recursos”, afirmou.

Duque arquivou sumariamente as 11 representações e denúncias contra Sarney encaminhadas ao conselho, mas a oposição recorreu contra o arquivamento de dez processos. Caberá ao plenário do colegiado definir se as acusações devem tramitar, ou não, na Casa Legislativa

Leia esta notícia na íntegra clicando aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *