Os barracos generalizados já viraram rotina no Senado. Em uma das discussões acaloradas da Comissão de Constituição de Justiça, o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA)...

Os barracos generalizados já viraram rotina no Senado.

Em uma das discussões acaloradas da Comissão de Constituição de Justiça, o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) defendeu a criação das FADs, as “Forças Armadas da Dilma  Rousseff”.

Segundo ele, a tropa de choque da base governista já trabalha numa espécie de “facção”, que tenta blindar qualquer assunto ou denúncia que possa comprometer a ministra-chefe da Casa Civil.

Na continuação da bagaceira, Romero Jucá (PMDB-RR) atacou, afirmando que a oposição tem complexo de derrotados e derrotistas.

Já o peemedebista Almeida Lima comprou a briga, dizendo que a existência de uma tropa de choque é para “conter trombadinhas”.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *