Da Folha de S.Paulo Mônica Bergamo Foragido da Justiça brasileira, o ex-cirurgião plástico Hosmany Ramos foi preso na Islândia, na semana passada, ao tentar...

Da Folha de S.Paulo

Mônica Bergamo

Foragido da Justiça brasileira, o ex-cirurgião plástico Hosmany Ramos foi preso na Islândia, na semana passada, ao tentar entrar no país usando o passaporte de seu irmão

Após a prisão, Ramos deu entrevistas à TV local comparando a detenção a um hotel quatro estrelas. “Em uma cela deste tamanho, eles colocariam de 30 a 40 prisioneiros no Brasil”, disse ele, que conta estar sozinho em um espaço com TV, computador e iPod.

Ainda de acordo com o texto, o ex-cirurgião plástico pediu asilo político no país, dizendo-se “ameaçado”.

Foragido desde janeiro, quando deixou a cadeia para passar o Natal com a família e não voltou, Hosmany foi condenado a 47 anos de prisão por homicídio, roubo de joias e carros, tráfico e contrabando.

 

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *