O líder do PT e do bloco de apoio ao governo, Aloizo Mercadante, acaba de dizer que tem que reconhecer a hierarquia do partido,...

O líder do PT e do bloco de apoio ao governo, Aloizo Mercadante, acaba de dizer que tem que reconhecer a hierarquia do partido, a disciplina e os interesses do governo mas, apesar disso, mantém sua posição — pelo afastamento do senador José Sarney.

Falou, falou e não disse nada. Lamenta não ter conduzido o assunto de outra forma, mas não reiterou a ameaça de deixar o cargo que ocupa.

A nota de Berzoini continua repercutindo. “O PT deixou de ser um partido dialético e virou um partido duolético”, disse Demóstenes Torres (DEM-GO). Alguém na plateia emendou: “deixou de ser dialético e virou diabólico”.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *