Após enterrar todas as denúncias e representações contra José Sarney, o presidente do Conselho de Ética, Paulo Duque (PMDB-RJ), chamou Arthur Virgílio (PSDB-AM) de...

Após enterrar todas as denúncias e representações contra José Sarney, o presidente do Conselho de Ética, Paulo Duque (PMDB-RJ), chamou Arthur Virgílio (PSDB-AM) de “réu”. A gafe foi cometida quando Duque oferecia a Virgílio a tribuna do Conselho de Ética para que ele se manifestasse, antes da votação do desarquivamento da representação feita contra ele pelo PMDB.

“Réu, não, representado”, corrigiu-se em seguida.

Virgílio fez de conta que não entendeu. E passou a se justificar. Refutou a denúncia de nepotismo e explicou que restituiu os valores recebidos por um funcionário de seu gabinente que estudava no exterior.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *