Enquanto o Conselho de Ética mostra que qualquer possibilidade de investigação contra o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), termina em pizza, manifestantes provam que...

Enquanto o Conselho de Ética mostra que qualquer possibilidade de investigação contra o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), termina em pizza, manifestantes provam que vieram ao Congresso com a intenção clara de não parar de protestar.

Neste momento, cerca de cem jovens indignados com a permanência de Sarney no cargo dão as mãos e se unem numa ciranda formada no gramado da instituição.

Eles dão voltas e voltas e estendem faixas que caracteerizam o já conhecido movimento “Fora Sarney”.

Esta é a quarta mobilização realizada em pouco mais de um mês pelo mesmo grupo.

Na última semana, nove desses integrantes foram detidos pela Polícia Legislativa do Senado. Eles entraram na Casa e foram praticamente expulsos ao gritar pela saída de Sarney e cantar o Hino Nacional. Dois desses jovens eram menores de idade. Um deles foi identificado como assessor na Câmara dos Deputados.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *