O senador Paulo Duque (PMDB-RJ) acaba de sair do serviço médico do Senado, depois de duas horas tentando se livrar de um pico de...

O senador Paulo Duque (PMDB-RJ) acaba de sair do serviço médico do Senado, depois de duas horas tentando se livrar de um pico de pressão alta e de uma dor de cabeça lancinante.

O chefe da pizzaria Conselho de Ética disse que não comeu nada o dia todo. Deram-lhe apenas uma mexerica japonesa, que seu metabolismo não digeriu.

Paulo Duque, abordado ao sair, fez gestos típicos dos campeões e se limitou a dizer que não teve tempo para comer.

O repórter do CQC, Danilo Gentili, indagou o pizzaiolo sobre se o mal estar era peso na consciência, ao que Paulo Duque assentiu.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *