DIÓGENES CAMPANHA DE SÃO PAULO Para se apresentar ao eleitor antes do início oficial da campanha eleitoral, em julho, vale até participar de gincanas...

DIÓGENES CAMPANHA
DE SÃO PAULO
Para se apresentar ao eleitor antes do início oficial da campanha eleitoral, em julho, vale até participar de gincanas contra ex-participantes de reality shows. Essa foi uma das situações que pré-candidatos à Prefeitura de São Paulo vivenciaram na TV nas últimas semanas.

Os quatro principais concorrentes já foram a pelo menos um programa de variedades ou de auditório das emissoras, que ainda não abriram espaço nos telejornais para a cobertura das agendas.

José Serra (PSDB) falou no “Programa Amaury Jr.”, da RedeTV!, em 2 de maio. Nas semanas seguintes, Amaury recebeu Fernando Haddad (PT) e Gabriel Chalita (PMDB).

Estreantes em eleições majoritárias, Haddad e Chalita foram também ao “Programa do Ratinho” (SBT) e ao “Manhã Maior” (RedeTV!).

As participações servem para ajudar a popularizar os pré-candidatos. No início de 2010, a então ministra Dilma Rousseff até fez um omelete no “Superpop”, da RedeTV!.

“Os candidatos têm de procurar espaços para se tornar mais conhecidos”, diz o vereador José Américo (PT), da campanha de Haddad.

O marqueteiro Chico Santa Rita, que trabalhou na campanha de Fernando Collor à Presidência, em 1989, é cético quanto aos ganhos. “É uma ajuda pequena. As pessoas ainda não estão com a cabeça na campanha.”

Alguns pré-candidatos têm sido convidados para brincadeiras em programas de auditório. No “Ratinho”, em 10 de maio, Chalita disputou um jogo de conhecimentos sobre o reino animal com Brunete Fraccaroli, do reality show “Mulheres Ricas”, da Band.

Celso Russomanno (PRB) participou do mesmo quadro na terça passada e já esteve no “Manhã Maior”.

Filiado ao partido que é ligado à Igreja Universal, do bispo Edir Macedo, dono da Record, Russomanno participou do “Melhor do Brasil”, de Rodrigo Faro, no dia 2, e do “Programa do Gugu”, ontem. A emissora diz que ele foi ao programa de Faro como apresentador do canal e não como pré-candidato.

Beba na fonte: Folha de S.Paulo – Poder – Pré-candidatos se rendem ao popular na TV – 11/06/2012.

Comentários

  • Airton

    11/06/2012 #1 Author

    Qual a audiência dos ditos programas populares
    Programa Amaury Jr. e Manhã Maior ?
    Como programa que beira a traço de audiência pode ser chamado de popular e aumentar a visibilidade de qualquer candidato ?
    A única forma de se tornar visível e isso na na internet é cometer gafes e erros grosseiros o que pioaria a imagem do candidato , de outra forma , se o jornalista DIÓGENES CAMPANHA não tivesse escrito o texto acima , eu nunca saberia que alguns dos candidatos tinha ido a TV.

    Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *