Da Folha Online. As secretarias de Saúde de São Paulo, Paraná, Rio e Rio Grande do Sul confirmaram nesta sexta-feira, ao todo, mais 81...

Da Folha Online.

As secretarias de Saúde de São Paulo, Paraná, Rio e Rio Grande do Sul confirmaram nesta sexta-feira, ao todo, mais 81 mortes em decorrência da gripe suína –a gripe A (H1N1). Somente em São Paulo, o total de óbitos saltou de 134 –conforme balanço do último dia 11– para 179 nesta sexta-feira. Com as confirmações, o número de mortes no país sobe para, ao menos, 488.

No Paraná, foram confirmadas mais 23 mortes, e o total subiu para 142 no Estado. Já o Rio Grande do Sul anunciou mais nove óbitos, elevando para 93 o número de vítimas.

No Rio de Janeiro, o total de vítimas já chega a 47, com as quatro novas confirmações desta sexta-feira.

Mais cedo, Santa Catarina havia confirmado a 11ª morte no Estado –que está em situação de emergência desde o dia 3 de agosto devido à doença.

São Paulo é o Estado com o maior número de mortes no país em decorrência da gripe A (H1N1), com 179 óbitos confirmados. O Paraná é o segundo em número de vítimas (142), seguido pelo Rio Grande do Sul (93), Rio (47), Santa Catarina (11), Minas (8), Paraíba (2), Bahia (1), Pará (1), Rondônia (1), Mato Grosso do Sul (1) e Amazonas (1), além do Distrito Federal (1).

Leia mais clicando aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *