Policiais da Rota, espécie de grupo especial da PM paulista, mataram três homens, na tarde de ontem, num barraco na favela da Vila Maranhão,...

Policiais da Rota, espécie de grupo especial da PM paulista, mataram três homens, na tarde de ontem, num barraco na favela da Vila Maranhão, região de Sapopemba (zona leste de São Paulo).

Segundo a Rota, os três reagiram à prisão e houve confronto. Nenhum PM se feriu.

Com o caso, subiu para sete o número de mortos em confrontos com a Rota na região, entre domingo e ontem.

Os três mortos, segundo a versão da Rota à Corregedoria da PM e à Polícia Civil, reagiram quando os PMs invadiram o local. Ainda segundo a Rota, o barraco era usado para o tráfico de drogas.

Drogas e armas foram apresentadas pela Rota como usadas pelos mortos -todos com passagem pela polícia.

Parentes e vizinhos das vítimas afirmaram à Folha que os três mortos dormiam quando a Rota invadiu o lugar e que não aconteceu tiroteio.

A Corregedoria da PM e policiais civis do DHPP (departamento de homicídios) também receberam a informação de moradores de que policiais da Rota estiveram no barraco há uma semana.

OUTRAS MORTES

No começo da semana (domingo e segunda-feira), quatro homens foram mortos em duas ações da Rota, também em Sapopemba.

A versão dos PMs para as quatro mortes à Polícia Civil é a mesma: os homens receberam ordem para parar os carros em que estavam, tentaram fugir, foram perseguidos e atiraram contra os policiais. Em todos os casos, os PMs da Rota não se feriram.

Anteontem, a Folha revelou que as mortes cometidas por policiais da Rota subiram 45% entre os meses de janeiro e maio deste ano (45 mortos), quando comparadas com o mesmo período de 2011 (31). Em comparação com o mesmo período de 2010 (quando foram registradas 22 mortes), a alta é maior: 104,5%.

Beba na fonte: Folha de S.Paulo – Cotidiano – Policiais da Rota matam mais 3 em favela na zona leste – 07/07/2012.

Comentários

  • Idiossincrasias Policiais!

    10/07/2012 #1 Author

    Todos que atendem escopos funcionais na mais estrita legalidade e honram as missões precípuas, com fidelidade a ideais e aos anseios sociais, devem receber láureas e serem dignificados pelos esforços exuridos!
    Não importando em qual esfera pública atue, mas quando por fins distorcidos, por forças ocultas e interesses escusos, agentes públicos passam a acatar desvirtuados intentos sociais, funcionais ou políticos, perseguindo aqueles que realmente opõem-se aos ditames de Regime de Exceção, como proceder?
    Silenciar?
    Acovardar-se?
    Ou apenas rezar?
    Sempre quem presta o preliminar apoio é a PM, por motivos óbvios…
    Mas quando roga-se apoio às vtrs paradas em ponto fixo e o PM afirma que não poder sair dali, sob pena de punição? (Bico de Oficialato?)
    E quando se pede apoio no 190, incessantemente, e não se obtem satisfação dos anseios ou pedido de socorro?
    Ou quando existe a velada determinação de irradiamento de ocorrências de grande vulto, com retardo mínimo de dez minutos, para reduzir as estatísticas de resistências seguidas de morte?
    Isso é respeito á sociedade e aos policiais? Ou mera satisfação da vil politicalha?
    Mas assevero, que quando vem, em tempo apto, real time, a PM, por motivos óbvios, sempre salva! (quando não mata ou quando não comete algum ilícito!) (É comum ouvir nos rincões que a população tem mais medo da PM do que de bandidos.)

    Responder

  • SideShow Bob

    09/07/2012 #2 Author

    Grupo de Elite.

    Gostaria que uma força destas atuasse no estado onde moro.

    Responder

  • Luís Fernando de Oliveira

    09/07/2012 #3 Author

    Tive a honra de servir neste batalhão ao lado de outros incontáveis policiais militares, defendendo anonimamente a sociedade, nadando contra a maré do sistema falido da segurança pública. Durante todo esse tempo, convivi com seres humanos, trajando orgulhosamente uma farda, ostentando um braçal duramente conquistado e portando uma ferramenta letal outorgada pela sociedade para ser utilizada somente em sua defesa. De todos que conheci (muitos falecidos em decorrência de confrontos com os inimigos da população que escolheram caminho antagônico às leis) não havia nenhum perfeito, éramos todos humanos sob a farda, mas todos honestos, companheiros na batalha inglória e diária! Nunca fui conivente com erros de ninguém, subordinados ou superiores, portanto, não será agora a me calar diante de uma reportagem tendenciosa e difamatória de toda Corporação a se antecipar a qualquer julgamento legal e de direito e condenar leviana e apressadamente. O estimado repórter apresenta estatísticas… números vazios que nada valem diante da tragédia da morte eminente de quem quer que seja. Recorro a uma citação de Jean Baudrillard: “Assim como sonhos, estatísticas são uma forma de alcançar um desejo.” Então me responda, qual é o seu desejo? Atingir o Governador? o Secretário de Segurança Pública de São Paulo? Ou denegrir uma instituição legalista que trabalha diuturnamente? Falhas? -Sim, nós temos! Mas procure outro serviço público que atenda 24h/dia, 7 dias/semana, em qualquer canto do Estado, mesmo para assuntos estranhos à sua função, tendo como retribuição um soldo ínfimo e a gratidão sincera da vítima salva e da família, dela e nossa. Espero que nunca esteja em situação de perigo de morte para somente então compreender…

    Responder

    • Fábio Pannunzio

      09/07/2012 #4 Author

      O meu desejo é ver uma polícia eficiente trabalhando de maneira correta, usando o rigor que a lei permite, e não justiceiros fardados atuando como assassinos em massa. Não duvido da honestidade de muitos de seus homens, mas condeno a utilização de uma corporação policial como tribunal sumário e algoz de que bem entende.

    • Luís Fernando de Oliveira

      09/07/2012 #5 Author

      Polícia competente? Pois bem… De todo sistema da segurança pública o nobre repórter escolheu criticar a única engrenagem que funciona! o que mais pode fazer a Polícia Militar? Prender e encaminhar ao Distrito Policial é o que fazemos! Já que gosta tanto de estatísticas, consulte-as! Mas e depois? São soltos ou vão p/a Universidade do crime! No país da canalhice, da roubalheira e da falta de vergonha na cara o nobre repórter escolheu como alvo de seu blog humildes profissionais que deixam familiares esperando e arriscam a própria vida para defender a população! Gente que tem um único tesouro: a dignidade e a honradez!

    • Fábio Pannunzio

      09/07/2012 #6 Author

      Quando prendem e encaminham ao distrito, cumprem muito bem sua função. Mas quando matam a sangue-frio, como executaram aquele rapaz preso no Bar Barracuda, agem como carrascos. E contra isso que me insurjo.

    • Rosaly Correa da Silva

      09/07/2012 #7 Author

      Voce tem razão Pannunzio. A Policia não pode ter direito de vida e morte sobre as pessoas. Para isso existem os Tribunais. A Policia não é uma instância de Justiça. Esses casos devem ser denunciados a órgãos internacionais. Aliás, já passou da hora de uma intervenção federal nessa área em São Paulo.

    • Luís Fernando de Oliveira

      10/07/2012 #8 Author

      Rosaly, A polícia não tem direito sobre a vida ou morte de ninguém! nem os Tribunais! A Justiça, qdo condena alguém (que no Brasil é mto raro) pode no máximo restringir a liberdade do condenado, ou seja, o direito de ir e vir. Aliás, no Brasil, não há leis que beneficiem os policiais em virtude da função que exercem, ou seja, a mesma lei que garante a qualquer cidadão se proteger quando injustamente atacado, beneficia o policial, ou seja a legítima defesa! Já que vc falou de direitos e Justiça, permita-lhe lembrar que o que está ocorrendo aqui é o pré-julgamento. Outra coisa, vc falou em denunciar a órgãos internacionais? tá descartando a soberania nacional? intervenção federal em São Paulo? por que? acaso vc tem conhecimento como está em outros Estados da Federação? São Paulo é um dos melhores!! Tragam qualquer polícia do mundo pra fazer o trabalho que a Polícia Militar faz aqui e vcs perceberão o qto eram felizes e não sabiam!

  • QUE PAÍS E ESSE.

    08/07/2012 #9 Author

    INFELIZMENTE ALGUNS SUBORDINADOS ESTÃO CUMPRINDO ORDENS ABSURDAS CEGAMENTE.
    GOVERNADOR E SSP USANDO UMA TROPA QUALIFICADA(ROTA) COMO SUA STASI, KGB, SS E TANTAS OUTRAS POLÍCIAS POLÍTICAS (GRUPOS DE EXTERMÍNIO) PARA CONSEGUIR VOTOS EM ELEIÇÕES, ATÉ EX-COMANDANTES OPORTUNISTAS HISTÓRICOS USANDO DA LETALIDADE DE UMA TROPA CARISMÁTICA JUNTO AO POVO PAULISTA PARA ALMEJAR SEUS ANSEIOS POLÍTICOS.
    ESTÁ NA HORA DE DAR UM BASTA NESTA SITUAÇÃO, OU O GOVERNO FEDERAL FAZ UMA INTERVENÇÃO NO ESTADO OU ESTAMOS CAMINHANDO PARA UMA DITADURA REGIONAL.
    QUANDO UM GOVERNO ESTA A MERCE DO CRIME ORGANIZADO, O QUE SE VÊ E REPRESSÃO MIDIÁTICA, PARA MOSTRAR QUE A SITUAÇÃO E3TÁ SOB CONTROLE.
    ESTAMOS PERDIDOS E MAL PAGOS.

    Responder

  • Wilson Santos

    07/07/2012 #10 Author

    Pelos comentários anteriores, os policiais da Rota são assassinos e os mortos eram pobres anjinhos que estavam dormindo.
    Não seria melhor aguardar a apuração dos fatos para emitir qualquer juizo?

    Responder

  • HITTMAN

    07/07/2012 #11 Author

    PANNUNZIO TIRARAM A FOCINHEIRA DOS PITBULLS E NÓS SABEMOS QUEM É O RESPONSÁVEL.ESPERO QUE UM DIA TUDO O QUE ESTÁ OCULTO POSSA VIR À TONA.

    Responder

  • Rosaly Correa da Silva

    07/07/2012 #12 Author

    Eu acredito que sejam mais uma grupo de extermínio. Acredito mais nos vizinhos quando dizem que essas pessoas morreram dormindo, até porque se há alguém que não merece mais credibilidade é exatamente a polícia. É vergonhoso admitir que com os impostos que pagamos, sustentamos esse tipo de milícia. Parece cangaço.

    Responder

    • Idiossincrasias Policiais!

      07/07/2012 #13 Author

      Respeitosamente diria CAGAÇO e não cangaço!
      E o maior cagão e mais covarde dentre todos é o Desgovernado Gestor Estadual!
      No mundo de Pinóquio, mentiras perpetuadas tornam-se verdades sacramentadas!
      Só nos resta lastimar, já que nós brasileiros somos omissos, silentes e oportunamente acovardados!

    • Anderson Salas Borg

      09/07/2012 #14 Author

      Incrível um ser achar-se jornalista, e publicar uma materia tão tendenciosa, acho que como reporter deveria melhor investigar in-loco, não simplesmente ouvir falar por telefone ou ler internet e manipular a matéria, isso é coisa de amador. Tenho certeza que muitos jornalistas bons poderiam dar melhores informações,mas in-loco e melhor, acompanha uma noite dentro de uma viatura de Rota, e veja o excelente trabalho que eles fazem, passe uma semana na unidade veja o treinamento acompanhe uma semana e verá, que claro se quiser ver, que esse policiais não são exclusivos mas são muito bem treinados e de boa índole, como eu digo existem erro, mas muito mais acertos, e perfeição não existe, nem Deus acertou criou o homem,,, vc terá opiniões diferente da atual, infelizmente não é possível agradar Gregos e Troianos, mas como em toda profissão especialmente a sua temos alguns seres que erram não é verdade? mas pelo visto essa matéria e bastante tendenciosa a bandidagem,eu costumo dizer que o cachorro somente morde quem lhe rouba o alimento,,, fica ai uma dica, eu procuro ler sempre boas matérias mas essa infelizmente está tendenciosa.

    • Adauto Borghi

      10/07/2012 #15 Author

      AMIGOS,,, A POLICIA COMO QUALQUER OUTRA INSTITUIÇÃO TEM OS EXCELENTES OS BONS E OS MENOS RUINS, INFELIZMENTE EM TODAS AS PROFISSÕES ALGUNS ERRAM AS VEZES POR BEM AS VEZES POR DESCUIDO, QUANTO O CASO ACIMA, TODOS ESTAMOS DISCUTINDO SOBRE UM FATO QUE DEVE SER ANALISADO POR QUEM E CONHECEDOR, A PERICIA SE TODOS AQUI REALMENTE SÃO TÃO BONZINHOS E JUSTOS COMO DIZEM, ACATAR O RESULTADO DA PERICIA.TODO CRIME E FEITA UMA PERICIA E OBTIDO UM RESULTADO.

    • carlos

      09/07/2012 #16 Author

      QUANDO VC FOR VITIMA DE ROUBO OU UM ESTRUPO VC VAI QUERER ESTAR PROTEGIDA DENTRO DE UMA VTR DA ROTA.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *