JOSÉ BENEDITO DA SILVA A cobrança eletrônica de pedágio, que o governo de SP vai implantar nas rodovias privatizadas, levará milhões de motoristas a...

JOSÉ BENEDITO DA SILVA

A cobrança eletrônica de pedágio, que o governo de SP vai implantar nas rodovias privatizadas, levará milhões de motoristas a pagar para circular até nos entornos das cidades, onde as estradas são usadas como vias urbanas.

Entre os trechos de tráfego urbano que serão pedagiados estão, por exemplo, aqueles que ligam a capital paulista ao aeroporto de Cumbica (rodovia Ayrton Senna), a São Bernardo (Anchieta) e a Cotia (Raposo Tavares).

Hoje, eles não têm praças de pedágio, mas o deslocamento gratuito vai acabar por conta da instalação dos pórticos ao longo da via, que vão ler chips nos carros para fazer a cobrança.

No teste que está sendo feito na SP-75, entre Indaiatuba e Campinas, há um pórtico a cada 8 km. Com esse intervalo, as vias serão praticamente 100% pedagiadas.

A implantação da cobrança, planejada para 2013 ou 2014, vai depender de um cálculo político difícil para o governador Geraldo Alckmin (PSDB): se, por um lado, o sistema é mais justo e permite reduzir a tarifa, por outro, vai cobrar de muito mais gente.

Nem a Artesp (agência de transportes do Estado) nem as concessionárias sabem quantos usam as rodovias sem pagar. O único estudo feito -e sempre citado como parâmetro- na Dutra, uma via federal, apontou que só 9% dos carros pagam pedágio.

Se o percentual for parecido nas vias estaduais, com o chip, deve multiplicar por dez o número de carros tarifados -foram 790 milhões em 2011.

“O ponto crítico, não tenho dúvida, é quem não paga e passará a pagar”, afirma Karla Bertocco Trindade, diretora-geral da Artesp. Para ela, porém, o Estado não pode dizer “você paga e você não”. “A questão é: usou, pagou.”

Haverá impacto em dois casos: em rodovias que são vias urbanas ou metropolitanas e em ligações entre cidades onde hoje não há cabines.

Beba na fonte: Folha de S.Paulo – Cotidiano – Motorista vai pagar pedágio até em trecho urbano de rodovias – 16/07/2012.

Comentários

  • Vivi

    18/07/2012 #1 Author

    Viva o Kassab, apadrinhado do Serra!!!
    Cobrem mais! Criem mais taxas!!
    Paulista ADORA pagar taxas!!
    É um povo rico, o paulista!
    Pagam o ICMS mais caro, o IPVA mais caro, os pedágios mais caros, e o melhor de tudo: GOSTAM DISSO!! Pagam com gosto!!!
    Aumentem todas as tarifas de ônibus, de metrô, de trem!!!
    Os habitantes da maior cidade da América Latina, do Estado mais rico do país, PODEM pagar!!

    Responder

  • MarceloF

    17/07/2012 #2 Author

    Por um lado tá certo: é preciso desestimular o uso dos carros particulares. Quer usar, que pague. E caro.
    Por outro, tá errado: faltam meios de transporte coletivo para levar as pessoas aonde elas precisam ir.
    Dá para equiacionar, mas é preciso não colocar o carro na frente dos bois.
    Sds.,
    de MarceloF.

    Responder

  • Marcjaguar

    17/07/2012 #3 Author

    Caro Pannunzio

    PeTralhada quase chega ao extase quando falam de SP…..o unico estado da Federacao aonde nao conseguiram colocar as patas!
    De fato, bom mesmo eh o pedagio pago nas rodovias federais…..
    Se em SP o pedagio eh Roubo, nas federais eh Latrocinio, pois lah o sujeito paga e morre do mesmo jeito que morria antes de ter o pedagio, jah que a estrada continua uma porcaria!

    Sem brincadeira….PeTralha eh o exemplo tipico de macaco que nao olha o proprio rabo….atacam as privatizacoes e conseguem fazer coisa pior com os aeroportos e as estradas…e por ae vai.

    Responder

  • Airton

    16/07/2012 #4 Author

    Mas , com certeza , no caso da Imigrantes o pedágio hoje pago , terá o seu valor reduzido , não ficando o custo da manutenção da rodovia só para aqueles que vão até Santos.

    Responder

  • Sadam Luizão

    16/07/2012 #5 Author

    O assalto tucano continua nos bolsos dos paulistas e do resto do Brasil que tem que passar pelas estradas paulistas. Faço uma pergunta: Cadê o Ministério Público para acabar com essa farra?
    A herança maldita do Governador Covas vai continuar até quando? Já não chega pagarmos ICMS em tudo, inclusive no pedágio, agora vamos ter que pagar também para andar em São Paulo? De um lado os petralhas, do outro a tucanada, coitado do povo nesta pseudo democracia. Deus salve-nos da Rainha!!!!
    Temos que gritar!

    Responder

  • Lucas

    16/07/2012 #6 Author

    Em Londres se paga, e muito caro, para andar de carro no centro da cidade.
    Sabiam?

    Responder

    • Vivi

      18/07/2012 #7 Author

      Esqueceu de falar que lá tem uma “malha metroviária” que abrange, se não me engano, a cidade toda. Ou seja, só anda de carro quem quer ou realmente precisa.

  • damastor dagobé

    16/07/2012 #8 Author

    paulista merece..

    Responder

    • Vivi

      18/07/2012 #9 Author

      Um reparo: paulista que votou no DEM/ PSDB.

      Não é o meu caso, obviamente.

    • Vivi

      18/07/2012 #10 Author

      Um reparo: paulista que votou no DEM/ PSDB merece.

      Não é o meu caso, obviamente.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *