O Dia dos Pais será tenso para a Polícia Militar do Estado de São Paulo. Há dois meses em guerra com o crime organizado,...

O Dia dos Pais será tenso para a Polícia Militar do Estado de São Paulo. Há dois meses em guerra com o crime organizado, a corporação recebeu informes de que o PCC prepara uma série de atos de retaliação para os quais estariam sendo escalados criminosos que conseguirem o direito de sair dos estabelecimentos penitenciários no privilégio erroneamente conhecido como “indulto temporário”.

Uma fonte da inteligência policial declarou ao Blog do Pannunzio que o PCC está distribuindo tarefas aos presos que irão às ruas. Haveria, segundo essa fonte, uma lista com nomes de PMs que devem ser executados pelos detentos que estarão nas ruas. Quem não cumprir a “tarefa” sofrerá retalizações ao regressar ao sistema. As “penas” impostas iriam das sevícias à eliminação física.

“Em contrapartida, a PM já avisou a vagabundagem que para cada PM morto serão ‘zerados’ seis vagabundos”, afirma a fonte do Blog do Pannunzio.

Comentários

  • Sd Pm

    02/08/2012 #1 Author

    O Problema é que neste país só se cobra e só se fiscaliza a polícia, nos países de 1°Mundo que voces tanto gostam de usar como comparação os policias são respeitados, a lei aumenta a pena a quem cometer crime contra eles, nos EUA um juíz não 5 vezes mais que um policial em inicio de carreira, aqui um juiz ganha 10 vezes e um politico umas 30 vezes mais que um policial.
    Ao invés de tentar punir a PM o MPF deveria se preocupar em punir os criminosos, em acabar com os indutos e com o Auxilio Reclusão o Famoso BOLSA LADRÃO que nosso governo federal quase triplicou nos ultimos 10 anos. Criminoso não deveria ter induto e deveria ter uma pena muito alta, se ele trabalhar a exemplo de presos de MG que pedalam para gerar energia para a cidade, ai sim eles teria a pena diminuida, NO BRASIL SE VOCE COMETER CRIME, MATAR, TORTURAR, HUMILHAR E TRAUMATIZAR PESSOAS DE BEM, FIQUE TRANQUILO, RARAMENTE VOCE FICARA PRESO E SE FICAR PRESO FIQUE TRANQUILO O GOVERNO DA + DE 800 REIAS POR FILHO PARA QUE A SUA FAMILIA BANQUE SEU PROPRIO ADVOGADO.
    É ISTO AI MEU POVO ISTO É BRASIL. PARABENS POR INCENTIVAREM O AUMENTO DA CRIMINALIDADE.

    Responder

  • Mario

    02/08/2012 #2 Author

    Prezado Pannunzio,

    Infelizmente, a legislação brasileira permite muitos benefícios para os bandidos, tais como indultos, progressão de pena, inúmeros recursos etc.

    Portanto, não faltam motivos para a população apoiar ações da PM que extrapolam suas limitações legais. É claro que o mais fácil é culpar os pobres dos policiais, e não o pessoal dos “direitos humanos” que defendem esse rol ilimitado de benefícios aos bandidos.

    Eu me lembro do caso do Pimenta Neves, que demorou mais de dez anos para ser penalizado. Dez anos de impunidade…

    Um julgamento não pode demorar tanto, assim como a bandidagem tem de cumprir a pena em regime fechado e muito excepcionalmente em outro mais benéfico.

    A nossa legislação deveria melhorar, tornando-se mais rigorosa e célere, pois a impunidade reina.

    O que se vê, no entanto, é a comissão do Código Penal legalizando a cafetinagem, o terrorismo e o porte de drogas. Se fossem médicos, seriam maus médicos agravando os sintomas da doença brasileira da impunidade…

    Mario.

    Responder

  • savio

    02/08/2012 #3 Author

    Também acho que a proporção esta pequena.
    A pessoa tem que passar por um sequestro, ficar refém, ser amarrada e depois ficar com um vagabundo clicando o revolver na nuca pra vir falar de direitos humanos. Tem que ver um vagabundo apontar o revolver pra nuca do filho. Tem que se ver presa num tiroteio com 3 mortos e 5 feridos. Depois, disso, quando viver presa em casa e sofrendo estresse pós traumático, aí sim, acredito que ela tenha condições de vir e falar que a PM paulista esta errada e que as vítimas são todas gente boa, trabalhadoras e etc.
    Ontem tinha a mãe de um vagabundo de classe média defendendo o filho na TV, dizendo que ele tinha família estruturada e que tinha sido preso por engano junto com mais 10 amiguinhos de classe média. Todos bandidos.
    Se esse infeliz tivesse sido morto tava todo mundo horrorizado com a PM, mas como ele foi só preso e vai responder em liberdade, as vítimas vão ter o prazer de passar 2 ou 3 anos sendo ameaçadas pela quadrilha para não testemunharem no Tribunal do Juri. Esse é o Brasil. Quadrilheiros de todos os naipes soltos e a população que não pode se mandar ou morar em condomínio refém em casa.
    Tudo que falei aí em cima eu passei e as ameaças que meu amigo recebeu durante 3 anos, foram feitas por quadrilheiros como esses, que meu amigo identificou e ajudou a prender.

    Responder

    • Fábio Pannunzio

      02/08/2012 #4 Author

      Parabéns para o seu amigo, Sávio. Ele fez o que um bom policial faria: prender o bandido e mandá-lo a julgamento. É exatamente isso o que se espera da polícia.

    • savio

      02/08/2012 #5 Author

      Panuncio,
      Meu amigo era a vítima de um assalto que reconheceu e ajudou a prender os dois bandidos. Ele e a família foram ameaçados durante 3 anos e desistiram de reconhecer os assaltantes no tribunal.
      Eles foram ameaçados porque o B.O. informa o endereço da vítima e a partir daí foram centenas de ameaças.
      Impedido de se mudar e esconder a família optou por não reconhecer os bandidos, que ficaram presos 24h.

    • Fábio Pannunzio

      02/08/2012 #6 Author

      Sávio, eu gostaria de conhecer seu amigo e fazer uma reportagem para o blog sobre essas ameaças. Isso é extremamente importante. É inacreditável que réus acusados decrimes contra a vida tenham acesso a dados das vítimas e testemunhas para desvirtuar o processo. Se for possível, passe para eles meu endereço de email: fabio@pannunzio.com.br.
      Agradeço desde já.

  • beto

    02/08/2012 #7 Author

    que mal exmplo e pessimo serviço o sr presta a sociedade, incitando policias contra facçao criminosa, vice-versa, quem sabe esta a servico de algum partido politico.

    Responder

  • anselmo

    02/08/2012 #8 Author

    Será que o MPF não deveria intervir e proibir essa saída temporária, esse indulto?

    Responder

  • Luiz Flávio dos Santos

    02/08/2012 #9 Author

    6 para 1? A proporção está pequena.
    Sugiro que a PM no mínimo triplique o percentual!

    Responder

  • SideShow Bob

    02/08/2012 #10 Author

    Acho estes benefícios de saída temporária de prisioneiros bem curiosos, acho que é invenção aqui da banânia.

    Primeiro, metada simplesmente não volta (e a pena pela falta é insignificante, apesar de todo o custo financeiro para a re-captura).

    Segundo há tantas falhas na concessão do benefício (como dos filhos que saem no dia das mães, apesar destas já estarem mortas e também do presos que não tem filhos e pais mortos e que saem no dia dos pais)

    O ideal era acabar com estas saídas temporárias e que os dias em que o preso ficaria fora, simplesmente fosse descontado de sua pena.

    A tentação de não retornar para o sistema é mui grande.

    Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *