GABRIELA YAMADA Único réu da ação do mensalão que disputa eleição neste ano, o deputado federal João Paulo Cunha (PT) recebeu quase a totalidade...

GABRIELA YAMADA

Único réu da ação do mensalão que disputa eleição neste ano, o deputado federal João Paulo Cunha (PT) recebeu quase a totalidade dos recursos de sua campanha por meio de um mecanismo usado para ocultar doações.

Dos R$ 876 mil que informou ter arrecadado até agora para a disputa pela Prefeitura de Osasco (Grande São Paulo), R$ 875 mil vieram do diretório estadual do PT.

O montante é o maior valor repassado pela sigla a um candidato no Estado.

A doação eleitoral intermediada por partidos é uma forma legal de contribuição. Ela costuma ser adotada quando a empresa doadora quer evitar ter seu nome associado ao político beneficiado.

Em vez de entregar o dinheiro diretamente ao candidato, a empresa opta por doar à legenda, que “mistura” o financiamento a outras fontes de receita antes de repassar ao candidato, dificultando a identificação da origem.

O presidente do diretório estadual do PT em São Paulo, Edinho Silva, disse que João Paulo recebeu o maior valor porque houve demanda. Ele negou que o caso do mensalão esteja dificultando a arrecadação de recursos.

Ex-presidente da Câmara dos Deputados, João Paulo é acusado de receber R$ 50 mil para facilitar contrato da Casa com empresa de Marcos Valério, o que ele nega.

Questionada se o processo pode interferir no desempenho do candidato, a assessoria de João Paulo informou que “ainda não é possível aferir a eventual influência do julgamento da Ação Penal 470” na campanha.

No primeiro mês de campanha, João Paulo gastou R$ 416 mil e concentrou seus investimentos em publicidade: foram R$ 350 mil com serviços para este fim.

Beba na fonte: Folha de S.Paulo – Poder – Campanha de João Paulo é bancada por doação oculta – 09/08/2012.

Comentários

  • SideShow Bob

    09/08/2012 #1 Author

    Estão colocando algo tóxico na água da população de Osasco ou é pura estupidez?

    O sujeito é mensaleiro e ainda é o segundo na opção dos eleitores.

    Caramba, achava que isto só ocorria nos currais petistas do nordeste, mas pelo visto, Osasco dará uma grande prova de estupidez e imbecilidade neste ano ao eleger um mensaleiro.

    Responder

  • Nando

    09/08/2012 #2 Author

    PROTEJA SEU DINHEIRO, NÃO VOTE EM MENSALEIRO!!!

    Com certeza esse dinheiro foi desviado das estatais! Devia ser usado para melhorar a prisão de segurança máxima que vai hospedar a quadrilha lulopetralha que vai ser condenada pelo STF.

    Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *