Vanessa Stelzer, da Agência Reuters O mercado financeiro melhorou sua estimativa para a performance da economia brasileira neste ano, mas ainda continua vendo uma...

Vanessa Stelzer, da Agência Reuters

O mercado financeiro melhorou sua estimativa para a performance da economia brasileira neste ano, mas ainda continua vendo uma retração, que seria a primeira desde 1992, segundo relatório Focus divulgado nesta terça-feira.

O cenário para as demais principais variáveis da economia não tiveram oscilações significativas.

A previsão para o Produto Interno Bruto (PIB) em 2009 foi elevada de contração de 0,30 por cento na semana passada para recuo de 0,16 por cento agora. O prognóstico para 2010 continuou apontando crescimento de 4 por cento.

Na sexta-feira, uma pesquisa da Reuters mostrou um cenário menos favorável: a mediana das previsões apontou retração econômica de 0,50 por cento para o ano.

Para a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deste ano, o cenário foi ligeiramente elevado, para taxa de 4,30 por cento, ante previsão de 4,29 por cento semana anterior. O prognóstico para a inflação no ano que vem ficou estável, em 4,30 por cento.

Os dois números do IPCA estão abaixo do centro da meta do governo, de 4,50 por cento.

A estimativa para a taxa Selic no fim deste ano permaneceu em 8,75 por cento. Para o fim 2010, persistiu em 9,25 por cento.

Para a taxa de câmbio no fim de 2009 e 2010, as previsões foram mantidas em 1,85 real.

 

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *