A crise que se abate sobre a fórmula 1 acaba de produzir um resultado totalmente inesperado, imprevisível e surpreendente. Rubinho Barrichello venceu o GP...

A crise que se abate sobre a fórmula 1 acaba de produzir um resultado totalmente inesperado, imprevisível e surpreendente. Rubinho Barrichello venceu o GP de Monza.

A singularidade ocorreu após o piloto brasileiro, consagrado por sua falta de vontade de andar rápido nas pistas, ganhar uma posição (o quarto lugar) em uma largada bem feita e galgar posições graças a uma estratégia inesperadamente inteligente de abastecer uma única vez.

Fica provado que tudo é possível no circo da Fórmula 1. Até um piloto com as qualidades de Barrichello subir ao posto mais alto do pódio, o que por si só é um feito impressionante.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *