Resposta da Prefeitura de SP à matéria sobre a ética e o lixo

Transcrevo a seguir a íntegra da nota emitida pelo assessor de imprensa do prefeito Fernando Haddad, o jornalista Nunzio Briguglio, em resposta à matéria publicada hoje pelo Blog do Pannunzio versando sobre problemas éticos na regulamentação da Lei das Sacolinhas. Louvo a celeridade da reação. E aproveito para sugerir o mesmo rito a outros assessores de imprensa da mesma Prefeitura, menos eficientes mas mais soberbos do que o experiente Nunzio.

Prezado Fábio Pannunzio:

Com relações as afirmações que você fez no Jornal Gente, da Rádio Bandeirantes, e mais tarde em seu blog, gostaria de esclarecer algumas informações:

  1. A prestação de contas do prefeito Fernando Haddad está disponível no site do TSE. As contas foram devidamente declaradas e aprovadas na Justiça Eleitoral. Você mesmo disse que os fabricantes de embalagens fizeram a doação ao diretório municipal do Partido dos Trabalhadores.
  2. A contrapartida veio rápida quer dizer o que? O prefeito de São Paulo não cede a poderes de lobbies.
  3. A lei do prefeito Gilberto Kassab proibia a distribuição de sacolas plásticas nos supermercados. Foi questionada na Justiça, que a considerou legal e constitucional. Coube ao prefeito Fernando Haddad regulamentá-la. Preocupado em permitir uma alternativa à população, ele autorizou dois modelos que permitiriam inclusive separar o lixo orgânico do lixo reciclável.
  4. Haddad não é dócil, nem hostil. Tem se mostrado justo e republicano. Um tipo de político realmente raro.
  5. A cidade não foi surpreendida com o decreto. Teve tempo para se adaptar. Tempo aliás que foi prorrogado.
  6. Não há problemas de natureza ética. Ninguém é obrigado a usar as sacolinhas. Ninguém é obrigado a pagar por elas. Ninguém é obrigado a frequentar supermercados que cobram pelas sacolinhas.
  7. Se há mesmo alguma irregularidade, volto a te dizer que há uma Controladoria Geral do Município pronta para investigar as denúncias. Foi ela mesmo que descobriu o desvio de mais de R$ 500 milhões da máfia do ISS, que atuava durante gestão anterior.

 

Nunzio Briguglio

Comentários

4 thoughts on “Resposta da Prefeitura de SP à matéria sobre a ética e o lixo

  1. bom dia,
    Ouvi o comentário no jornal gente e resolvi conferir a noticia no blog, é triste ver que no plano municipal reproduz-se o que já aconteceu no plano estadual com relação as sacolinhas. caro jornalista, se houver interesse posso passar-lhe dados que podem interessa-lo na história sacolinhas. abraços

  2. é um absurdo os motivos que essa “gente” PT. se desculpa sempre pondo à culpa no governante anterior, são hipócritas e dissimulados, é revoltante.

  3. vergonhoso, com tantas carestias, temos que baixar a cabeça e
    e engolir mais essa, até quando?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *