O vice-presidente José Alencar recebeu alta por volta das 11 horas da manhã deste sábado, do Hospital Sírio Libanês, na capital paulista, onde havia...
O vice-presidente José Alencar recebeu alta por volta das 11 horas da manhã deste sábado, do Hospital Sírio Libanês, na capital paulista, onde havia se internado na noite de quinta-feira com baixa imunidade – consequência da quimioterapia a que se submete no tratamento contra um câncer no abdômen. Ele recebeu transfusão de sangue para ampliar o número de plaquetas.

Os exames indicaram que os níveis de hemoglobina, leucócitos e plaquetas estavam baixos. Alencar retomou às sessões de quimioterapia no início do mês. O tratamento experimental que fazia nos Estados Unidos foi suspenso. Na terça-feira, o vice deve retornar ao hospital para ser submetido a mais uma sessão de quimioterapia. Poderá ficar internado por dois ou três dias.

Ao deixar o hospital, ontem, acompanhado de um assessor, o vice-presidente disse estar esperançoso. “Estou animado. Ainda que a quimioterapia seja um tratamento clássico e não revolucionário, estou com muita esperança. Se aqueles tratamentos revolucionários não deram certo, vamos voltar ao convencional e este vai dar certo”, disse.

Boletim divulgado pelo Sírio Libanês informa que Alencar passou por “avaliação do seu estado clínico” e que “continuará o tratamento de quimioterapia na próxima semana”. A equipe médica que o acompanha é coordenada pelo oncologista Paulo Hoff e pelo cardiologista Roberto Kalil Filho.

Leia mais clicando aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *