A partir de hoje todas as informações acerca da operação de busca aos destroços do Airbus da Air France serão centralizadas em Recife. Os...

A partir de hoje todas as informações acerca da operação de busca aos destroços do Airbus da Air France serão centralizadas em Recife. Os oficiais que vinham informando a imprensa no Comando da Aeronáutica, em Brasília, estão seguindo daqui a pouco para a capital de Pernambuco.

A última nota informa que as condições meteorológicas não estão boas, o que limita a altitude dos voos a quatro mil metros. Com isso, a tentativa de localização dos restos do voo 447 fica muito prejudicada.

As famílias dos passageiros, que se reuniram com o comando da operação em Recife, estão incomodadas com o fato de não haver surgido ainda nenhum corpo. Essa era uma situação previsível. Aqui mesmo, no Blog, você vai encontrar a explicação para  o fenômeno, determinado por efeitos que a pressão em grandes profundidades exerce sobre a dinâmica dos gases.  Para ler o artigo, clique aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *