“Temos o dever de preparar a capital do país para a Copa de 2014”. Com essa frase, o ainda governador do DF, José Roberto Arruda,...

“Temos o dever de preparar a capital do país para a Copa de 2014”. Com essa frase, o ainda governador do DF, José Roberto Arruda, sintetizou suas pretensões daqui para a frente. “Desfilio-me da vida partidária”.  “Com esse gesto evito o constrangimento dos meus amigos e companheiros de partido”, disse Arruda em tom quase épico.

“Quero agora me dedicar às questões administrativas”, assegurou o ainda governador, prometendo dedicar-se integralmente a defender a sua “honra” e o governo de Brasília, como que desconhecendo que ele está na iminência de ser defenestrado do Palácio dó Buriti.

Arruda prometeu não se candidatar nas próximas eleições. A Capital, aliviada, agradece, mesmo achando que isso é desnecessário em face da gravidade dos crimes que lhe são imputados.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *