Os quatro senadores do PDT aderiram ao DEM para pedir o afastamento temporário do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Cristovam Buarque (PDT-DF), Osmar...

Os quatro senadores do PDT aderiram ao DEM para pedir o afastamento temporário do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Cristovam Buarque (PDT-DF), Osmar Dias (PDT-PR), Jeferson Praia (PDT-AM) e Patrícia Saboya (PDT-CE)  foram unânimes. Cristovam acaba de reiterar sua posição no plenário do Senado, onde apenas Mão Santa (PMDB-PI) e Valdir Raupp (PMDB-RS) defenderam Sarney. O PDT  reuniu a bancada agora à tarde .

Raupp quer a inversão do eixo da proposta da oposição. Acha que o atual presidente da Casa deveria merecer 60 dias de prazo para demonstrar que não está envolvido com nepotismo e atos secretos. Mão Santa diz que “o povo deve a Deus e ao Sarney a volta à democracia”. Abusando de sua retórica bíblica, ele disse que “Sarney atravessou o Mar Vermelho”.

O PT também vai se reunir. Os senadores estão constrangidos, divididos entre a pressão popular nas bases e a pressão do Planalto em Brasília. Mas é improvável que a bancada do partido do presidente Lula, que tem mobilizado a tropa de choque do governo em defesa de Sarney, assuma uma atitude de rebeldia.

 

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *