Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr Ideli Salvati  não esconde de ninguém sua paixão pelo carnaval. Mas pouca gente sabe que ela também é fã empedernida...

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

Ideli Salvati  não esconde de ninguém sua paixão pelo carnaval. Mas pouca gente sabe que ela também é fã empedernida de futebol. Na tarde desta quinta-feira, trocou o vestido vermelho por um preto, pos um casaco branco e foi ao Palácio da Alvorada.

Lá estavam cinco jogadores do Corinthians mais a comissão técnica. A senadora petista queria porque queria conhecer Ronaldo, o Fenômeno. Levou uma cartão com a insígnia do Timão e minutos depois saiu, feliz da vida, o autógrafo do jogador rabiscado sobre ele.

Parou toda orgulhosa na portaria do Alvorada para mostrar o autógrafo aos jornalistas. Quando desceu do carro, foi saudada pelos torcedores que se aglomeravam por ali com um coro errático:

– Ão, ão, ão, … A Dilma é do Timão.  Ão, ão, ão, … A Dilma é do Timão.

Ideli fez que não ouviu.

Mas o pior mesmo foi um engraçadinho que, do meio da turba, gritava para os outros:

– Olha gente, olha aquela ali (apontando para ela)! É a Aracy de Almeida. A Aracy de Almeida!…

Como se pode perceber pela foto, Ideli estava muito bem-humorada e não ligou para a provocação. Ficou irritada mesmo quando, ao declinar sua incontida paixão pelo Cortinthians, uma repórter lhe perguntou:

– Mas a Sra. não é de Santa Catarina ? Não era torcedora do Havaí ?

Ideli, corintiana roxa, fechou a cara:

– Eu sou paulista, minha filha. Meu pai era sócio do Corinthians!

E foi embora resmungando.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *