Dilma tem 6 pontos à frente de Serra Pesquisa Ibope, a primeira após debate e início do horário eleitoral, indica que tucano herdou a...

Dilma tem 6 pontos à frente de Serra
Pesquisa Ibope, a primeira após debate e início do horário eleitoral, indica que tucano herdou a maior parte dos votos de Marina

Pesquisa do Ibope para o Estado e a TV Globo, a primeira após o debate entre as presidenciáveis e a volta do horário eleitoral, mostra Dilma Rousseff (PT) com 49% das intenções de voto e José Serra com 43%. A petista aparece em primeiro graças aos eleitores do sexo masculino e de baixa renda e escolaridade, sobretudo os que vivem no Nordeste e no Norte/Centro-Oeste. Os indecisos são 3%. Levando-se em conta apenas as votos válidos (excluídos nulos, brancos e eleitores indecisos), Dilma lidera com 53%, contra 47% de Serra. No primeiro turno, a petista teve 46,9% dos votos válidos, contra 32,6% do tucano.
A evolução dos índices mostra que, desde o início do mês, Serra avançou mais, absorvendo a maior parte das eleitores de Marina Silva (PV), que teve 19,3% dos válidos. A pesquisa foi feita com 3.010 eleitores, e a margem de erro é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos. (Págs. 1 e Nacional A4)

Petista atrai evangélicos
Para atrair o voto evangélico, a candidata Dilma Rousseff (PT) prometeu vetar itens polêmicos do Programa Nacional de Direitos Humanos, montado pelo próprio governo. Ela citou direito ao aborto e casamento gay. Mas, para o ministro Paulo Vannuchi (Diretos Humanos), o programa não muda. (Págs. 1 e Nacional Al4)

Resgate de mineiros dura menos que o previsto
O drama dos 33 mineiros chilenos soterrados há mais de dois meses estava perto do fim na noite de ontem, antes do prazo previsto pelo governo. “Estive com Deus e o diabo. Eu fiquei com Deus”, disse Mario Sepúlveda, líder dos mineiros. (Págs. 1 e Internacional A19)

Vida nova: Após o drama, a recompensa
Os mineiros resgatados deixarão para trás a vida pobre. Se depender da solidariedade dos chilenos, o futuro deles e dos descendentes está garantido: além de ofertas de contratos, viagens e ajuda financeira, uma fundação foi aberta para financiar o estudo dos filhos. (Págs. 1 e Internacional A21)

Ação ajuda presidente
O presidente chileno, Sebastian Piñera, aproveitou cada segundo da bem-sucedida ação de resgate dos mineiros. Seu envolvimento no processo fez sua popularidade subir três pontos, para 57%, diz pesquisa. (Págs. 1 e Internacional A20)

Foto legenda: Salvo. Mario Gomez, de 63 anos, o mais velho dos mineiros isolados no Chile, festeja ao chegar a superfície. (Pág. 1)

Bancos que venderam ações da Petrobras são criticados
A Comissão de Valores Mobiliários informou que os bancos que participaram da capitalização da Petrobras poderiam ter divulgado relatórios sobre a oferta no período em que a operação estava aberta. Críticos dizem que Itaú e Morgan Stanley incorreram em conflito ético porque venderam ações aos investidores e, logo depois, indicaram se tratar de mau negócio. (Págs. 1 e Economia B1)

Decisão do STJ ameaça impedir prisão por lei seca
Uma decisão do Superior Tribunal de Justiça ameaça tornar sem efeito a prisão de alguém por dirigir embriagado. O STJ arquivou ação penal contra um motorista que se recusou a passar por exames após ter sido flagrado por policiais militares dirigindo na contramão e com sinais de embriaguez. (Págs. 1 e Cidades C1)

Anestesistas protestam por melhor remuneração (Págs. 1 e Vida A26)

Horário de verão começa à meia-noite de sábado (Págs. 1 e Cidades C5)

Brasileira é encontrada esquartejada na Suíça (Págs. 1 e Cidades C4)

Dora Kramer: Maioria cativa
O governo elegeu maioria no Congresso. Mas, caso Serra vença, os partidos terão adaptação rápida. (Págs. 1 e Nacional A6)

Notas & Informações
A PDVSA e a fantasia petista

A Aliança Estratégica formalizada pelos presidentes Chávez e Lula combinou bolivarianismo e terceiro-mundismo requentado. Nada útil poderia resultar desse acasalamento. (Págs. 1 e A3)

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *