Ana Paula Carvalho Um dia depois de o candidato à presidência do PSDB, José Serra, ser atingido na cabeça por uma bobina de adesivos...

Ana Paula Carvalho

Um dia depois de o candidato à presidência do PSDB, José Serra, ser atingido na cabeça por uma bobina de adesivos de papel , a candidata petista, Dilma Rousseff, também foi alvo de uma tentativa de agressão em Curitiba. Quando fazia um percurso com um jipe em uma rua da capital paranaense, manifestantes jogaram três balões laranja cheios de água, do alto de um edifício. Dilma não foi atingida mas a água caiu em pessoas que seguiam ao lado da carreata.

Na véspera, após ser atingido por manifestantes, Serra cancelou a agenda e foi para o hospital Samaritano, em Botafogo, onde fez uma tomografia.

Durante o trajeto por duas quadras em uma rua fechada para o tráfego de automóveis, o jipe em que Dilma estava e o carro de som da campanha foram multados. Segundo a prefeitura de Curitiba, que é administrada pelo PSDB, o carro circulou sobre a calçada, infringindo as leis de trânsito.

Clique aqui para ler a íntegra no site do Globo

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *