Com informações do Estadão. O Ministério Público Federal vai investigar a Fundação José Sarney. Quem vai apurar as relações da entidade, mantida pelo presidente...

Com informações do Estadão.

O Ministério Público Federal vai investigar a Fundação José Sarney. Quem vai apurar as relações da entidade, mantida pelo presidente do Senado, com a Petrobras, maior estatal do país, é o procurador Tiago Sousa Carneiro. Ele vai solicitar ainda nesta terça-feira ao Ministério da Cultura as prestações de contas do convênio da fundação com a empresa do Governo.

Com as notas em mãos, o procurador vai buscar indícios de desvio de recursos públicos por parte da entidade. Denúncia divulgada pelo Estado de S.Paulo na última semana dá conta de que a Fundação desviou pelo menos R$ 500 mil da verba de patrocínio da Petrobras para empresas fantasmas ligadas a Sarney.

A procuradoria também avalia a possibilidade de enviar o caso para a Polícia Federal abrir um inquérito sobre as suspeitas de mau uso do dinheiro público.

Para ler esta matéria na íntegra, clique aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *