Com informações da Folha Online. Uma entidade ligada à Fundação José Sarney tentou incluir em proposta enviada ao Ministério da Cultura itens com preços...

Com informações da Folha Online.

Uma entidade ligada à Fundação José Sarney tentou incluir em proposta enviada ao Ministério da Cultura itens com preços superfaturados e desvio de finalidade, como o pagamento de ginecologista.

A Associação dos Amigos do Bom Menino das Mercês buscava recursos na Lei Rouanet para uma escola de música que atende crianças carentes de São Luís.

O projeto foi aprovado e teve um investimento de R$ 978 mil.

Para ler esta matéria, clique aqui (exclusiva para assinantes).

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *