Com informações da Folha Online. A onda de escândalos que atinge o Congresso vai completar seis meses mas, até agora, nenhum parlamentar foi punido....

Com informações da Folha Online.

A onda de escândalos que atinge o Congresso vai completar seis meses mas, até agora, nenhum parlamentar foi punido.

Apenas diretores, servidores e empregadas domésticas foram responsabilizados por irregularidades.

E essa sucessão de crises na Câmara e no Senado acaba trazendo consequências. A produtividade dos congressistas neste primeiro semestre, por exemplo, caiu.

Na Câmara, 53 matérias foram aprovadas até agora, número 18% inferior ao registrado no mesmo período do ano passado. No Senado, 83 projetos foram aprovados, 10% a menos que no primeiro semestre de 2008.

Desde o início de fevereiro, mais de 30 escândalos foram noticiados nas duas Casas.

Para ler esta matéria na íntegra, clique aqui (Para assinantes).

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *