Com informações do Estadão. A primeira-secretaria do Senado vai abrir inquérito para investigar a denúncia sobre a contratação de 82 estagiários da gráfica da...

Com informações do Estadão.

A primeira-secretaria do Senado vai abrir inquérito para investigar a denúncia sobre a contratação de 82 estagiários da gráfica da Casa. As nomeações aconteceram em 1992, quatro anos depois que a Constituição Federal foi promulgada, condicionando as contratações no serviço público à aprovação em concursos.

Segundo o primeiro-secretário, Heráclito Fortes (DEM-PI), outras medidas vão ser adotadas paralelamente ao inquérito. O objetivo é checar irregularidades na administração da gráfica.

Na época, quem comandava o Centro Gráfico era Agaciel Maia. Três anos depois, o homem apontado como um dos responsáveis pela edição dos atos secretos foi promovido à diretoria-geral do senado pelo atual presidente da Casa, José Sarney.

Para ler esta notícia na íntegra, clique aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *