O secretário de Segurança Pública de São Paulo Antonio Ferreira Pinto afastou de seu cargo, nesta quinta-feira, a corregedora-geral da Polícia Civil, Maria Inês...

O secretário de Segurança Pública de São Paulo Antonio Ferreira Pinto afastou de seu cargo, nesta quinta-feira, a corregedora-geral da Polícia Civil, Maria Inês Trefiglio Valente. A decisão aconteceu após a divulgação de um vídeo na internet onde policiais da Corregedoria algemam uma escrivã acusada de corrupção e arrancam a roupa dela à força. Após ser despida, os policiais encontraram quatro notas falsas de R$ 50. A escrivã, chamada de Vanessa no vídeo, foi afastada do cargo. Os dois delegados da Corregedoria também foram afastados pelo secretário Antonio Ferreira Pinto, na segunda-feira. ( Veja o vídeo divulgado no Youtube )

A corregedora teria apoiado a atitude dos policiais que revistavam a escrivã. Delegados da cúpula da Polícia Civil ameaçaram deixar os cargos, caso Maria Inês não fosse afastada. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que Maria Inês foi transferida “para os quadros da Delegacia Geral de Polícia Adjunta”. No lugar dela assume o delegado Marcos Montresor, que já trabalha na Corregedoria.

No vídeo, datado em 15 de junho de 2009, a escrivã negava-se a ficar nua em frente aos policiais para ser revistada. Ela exigia a presença de uma policial feminina ou uma delegada da corregedoria. Nervoso, um dos delegados afirmava que ela teria que tirar a roupa.

via Corregedora da Polícia Civil é afastada após vídeo de escrivã sendo despida por policiais em SP – O Globo Online.

Comentários

  • Lady

    13/05/2011 #1 Author

    Procure saber sobre um caso de agressão a uma Investigadora na Divisão de Capturas, por um Investigador. Não houve gravação como neste caso, mas a Corregedoria está fazendo vistas grossas ao caso. P. favor, verifiquem. É nojento!

    Responder

  • CIDADÃO

    19/04/2011 #2 Author

    E o sr segurança continua mais forte do que nunca.
    Que é isso Alckimin, do que é que vc tem medo?
    Lembram-se daquele envelope, o do shopping, aquele que o secretário entregou ao jornalista serrista: será que de onde veio tem mais?

    Responder

  • lLady Santos

    12/04/2011 #3 Author

    Muito interessante, Brasileiros gostam de corruptos quem os combate não presta né !!!!!!!
    Lady

    Responder

    • argenaul

      14/04/2011 #4 Author

      Para combater corruptos é necessário cometer tortura? A lei é para todos ou não? Alguém filmou o político que estava com dinheiro na cueca? Postaram o vídeo dele pelado na net? Se o que aconteceu com a escrivã pode ser tomado como normal é bom os políticos tomarem cuidado! E é bom a SOCIEDADE tomar cuidado também, já que tortura é normal, então.

    • Anny

      17/04/2011 #5 Author

      Não… não presta não e sabe porque os DOI-CODI (Os DOI-CODI ficaram conhecidos por serem centros de TORTURAS) terminou há anos e um crime como esses lixos DE delegadinhos de bosta cometeram supre o dela. Se a Sra. Dona ILady não entende de Leis e DIGNIDADE HUMANA … acharia de bom alvitre( uma sugestão sobre um determinado fato ou circunstância // caso não conheça o significado) se informar mais. Passar bem SENHORA!

  • José Little People

    26/02/2011 #6 Author

    Curioso. O Secretario da Segurança Pública, coloca a Corregedoria da Polícia Civil, vinculada diretamente à sua Pasta. Após, nomeia uma Delegada como Corregedora. Até aí, tudo bem! Agora, sem entrar no mérito da questão, afasta essa Delegada de suas funções, por susposto erro grave praticado pela Corregedoria da Polícia Civil. Pergunto, e o Secretário, também não é responsável? Alegar que foi induzido ao erro é fácil, o difícil é assumir sua responsabilidade, mesmo que indireta, no fato!

    Responder

  • David

    25/02/2011 #7 Author

    O que esses caras fizeram foi a coisa mais nojenta que eu assisti nos últimos tempos aqui na internet…
    Não tenho nem palavras pra dizer como foi absurda a atitude desses caras…
    Monstros nojentos, isso é o que eles são…
    Esses estupradores tem que ser processados, expulsos da polícia e depois serem trancados em uma cadeia…
    Estou com muita raiva nesse momento…
    Se eu pudesse, eu gostaria de pegar um porrete e bater muito nesse valentão de camisa vermelha…
    Vagabundo covarde…

    Responder

  • Lucas

    25/02/2011 #8 Author

    A Polícia Civil de São Paulo é monstruosa. Os Delegados são pessimamente remunerados, mas um fato desses mancha a todos da instituição e prejudicam seus pleitos. A sociedade passa a achar que eles nada merecem e que até precisam ser extintos. Essa é uma nódoa que já entrou para o Museu da Polícia e para os anais da corporação e levam a todos os compatriotas à repugnância. O Brasil teve a imagem arranhada perante o Mundo com essa barbaridade. A punição deverá ser exemplar para esses torturadores e estupradores, e mais grave ainda para a infeliz Corregedora-Geral que apoio esses crimes hediondos.

    Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *