Cerca de 9,5 mil pessoas continuam sem ser localizadas em um povoado na província de Miyagi (nordeste do Japão), que sofreu ondas de até...

Cerca de 9,5 mil pessoas continuam sem ser localizadas em um povoado na província de Miyagi (nordeste do Japão), que sofreu ondas de até dez metros pelo tsunami de sexta-feira, disse hoje à Agência Efe um porta-voz provincial.

O povoado é Minamisanriku, cuja população total é de 17 mil pessoas e onde, segundo as imagens transmitidas pela rede de televisão “NHK”, praticamente não sobraram edifícios de pé ou sem terem sido alagados pelas águas.

Segundo o porta-voz provincial, não foi possível entrar em contato com essas 9,5 mil pessoas e os trabalhos de busca continuam.

As autoridades de Miyagi assinalaram que não têm informação sobre o que ocorreu com esse povoado, ao contrário do que sucede com outras localidades próximas.

A rede japonesa “NHK” indicou que a província de Miyagi pediu ajuda às Forças de Autodefesa (Exército) para localizar esses 9,5 mil habitantes de Minamisanriku, dos quais não se tem notícias.

Em um primeiro momento, os soldados de Miyagi foram capazes de localizar 7,5 mil habitantes em refúgios da região.

Na província de Miyagi, uma das mais afetadas pelo terremoto e pelo tsunami de sexta-feira no Japão, até agora foram contabilizados 137 mortos e 95 desaparecidos de acordo com os números oficiais.

via Cerca de 9,5 mil pessoas estão desaparecidas em um povoado de Miyagi – Yahoo! Notícias.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *