Com informações da Folha Online. O líder do PT no Senado, Aloizio Mercadante (SP), afirmou hoje que o partido continua defendendo o afastamento do...

Com informações da Folha Online.

O líder do PT no Senado, Aloizio Mercadante (SP), afirmou hoje que o partido continua defendendo o afastamento do presidente da Casa, José Sarney.

Segundo ele, a divulgação de gravações da PF que indicam participação do peemedebista na contratação do namorado da neta “é grave, porque há indícios concretos da associação” de Sarney com os atos secretos.

Para o parlamentar, o Conselho de Ética, recém-reinstalado, precisa apurar todas as acusações que pesam sobre Sarney.

Mercadante também defendeu a posição dos senadores Pedro Simon (PMDB-RS) e Cristovam Buarque (PDT-DF) de solicitar a antecipação do próximo encontro do colegiado, previsto para a primeira semana de agosto.

Entretanto, o presidente do Conselho, Paulo Duque (PMDB-RJ), já descartou esta possibilidade.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *