Com informações do Estadão. A nomeação do namorado da neta do presidente do Senado José Sarney para um cargo na Casa confirma que o...

Com informações do Estadão.

A nomeação do namorado da neta do presidente do Senado José Sarney para um cargo na Casa confirma que o ex-diretor geral Agaciel Maia usava vagas de confiança como instrumento de poder para agradar senadores.

Só a diretoria-geral, onde Henrique Bernardes foi inicialmente lotado, possui cerca de 200 vagas comissionadas. Muitos desses cargos foram criados por meio de atos secretos e, segundo o Estadão, beneficiou não só indicados de Sarney, como também dos peemedebistas Renan Calheiros e Mão Santa.

Leia mais aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *