A TEPCO, empresa de eletricidade à qual pertencem os reatores danificados pelo tsunami na central nuclear de Fukushima, no Japão, não fez o controle...

A TEPCO, empresa de eletricidade à qual pertencem os reatores danificados pelo tsunami na central nuclear de Fukushima, no Japão, não fez o controle individual dos níveis de radiação a que estiveram expostos os técnicos da companhia. O anúncio foi feito pelo governo japonês e divulgado agora há pouco pela rede de televisão NHK.

A conduta fere os regulamentos do país, que obrigam as empresas a monitorar exposição à radioatividade de cada um dos trabalhadores em áreas de risco, individualmente. Apenas os líderes das equipes que tentam conter o derretimento dos núcleos danificados estão utilizando o aparelho.

A TEPCO justificou o injustificável com a alegação de que o terremoto destruiu boa parte dos equipamentos.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *