Com informações do Estadão. O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) afirmou hoje que o recesso parlamentar pode influenciar políticos a rever o apoio à manutenção...

Com informações do Estadão.

O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) afirmou hoje que o recesso parlamentar pode influenciar políticos a rever o apoio à manutenção de José Sarney na presidência do Senado. Isso acontece porque muitos senadores visitaram as bases eleitorais durante as férias que se estendem até esta sexta-feira.

Segundo o senador, há um apelo popular para que o peemedebista deixe o comando da Casa. A proximidade das eleições de 2010 também devem fazer com que os futuros candidatos optem pelo afastamento de Sarney.

Para Alvaro Dias, entretanto, mesmo que o processo contra José Sarney seja aberto no Conselho de Ética, será muito difícil que o plenário da Casa vote pela cassação do parlamentar, uma vez que o voto é secreto, e a decisão de cada senador não será conhecida pela opinião pública.

Amanhã, o partido de Dias deve protocolar no colegiado uma representação contra Sarney, que é alvo de uma outra reclamação do PSOL e de quatro denúncias individuais do tucano Arthur Virgílio.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *