Com informações do Estadão. O partido Democratas começou a se mobilizar contra o acordo que prevê a venda de energia hidrelétrica da Usina de...

Com informações do Estadão.

O partido Democratas começou a se mobilizar contra o acordo que prevê a venda de energia hidrelétrica da Usina de Itaipu, firmado recentemente entre Brasil e Paraguai.

A legenda vai pedir a análise técnica por parte do Tribunal de Contas da União para que o órgão avalie os impactos sobre as contas brasileiras.

Os democratas ameaçam recorrer ao Supremo Tribunal Federal se ficar comprovado que as vantagens oferecidas ao vizinho Paraguai resultarão em prejuízos para o Brasil.

Os políticos também prometem ir à Justiça para garantir que o pacto seja submetido ao Legislativo.

O acordo triplica o valor do bônus pago pelo Brasil ao Paraguai, passando para US$ 360 milhões. Com a medida, o Paraguai pode vender o insumo sem intermediação da Eletrobrás.

Para ler mais sobre este assunto, clique aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *