Com informações da Folha Online. O PSOL promete protocolar amanhã a segunda representação do partido contra o presidente do Senado, José Sarney. O líder...

Com informações da Folha Online.

O PSOL promete protocolar amanhã a segunda representação do partido contra o presidente do Senado, José Sarney. O líder da legenda na Casa, José Nery (PA), e a presidente, vereadora Heloísa Helena (AL), discutem o texto com técnicos em Brasília. A medida acontece depois que aliados de Sarney ameaçaram arquivar as denúncias sem discussão prévia e contra-atacar, representando contra membros da oposição no Conselho de Ética.

A intenção é que a nova reclamação inclua as denúncias de que Sarney interferiu a favor da fundação que leva o nome dele ao desviar R$ 500 mil de recursos da Petrobras, além de ter escondido da Justiça Eleitoral a propriedade de uma casa avaliada em R$ 4 milhões.

Com a nova representação no colegiado, Sarney vai ter que enfrentar nove acusações por quebra de decoro parlamentar no Conselho de Ética. Quatro denúncias já foram feitas pelo líder tucano Arthur Virgílio (AM) e mais quatro representações (três do PSDB e uma antiga do próprio PSOL).

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *