Obama decide não divulgar fotos do corpo de Bin Laden ‘Não exibimos troféus’, diz o presidente, que invocou ‘segurança nacional’ para arquivar as imagens...

Obama decide não divulgar fotos do corpo de Bin Laden
‘Não exibimos troféus’, diz o presidente, que invocou ‘segurança nacional’ para arquivar as imagens

Por ordem do presidente dos EUA, Barack Obama, as imagens do corpo de Osama bin Laden não serão divulgadas. A medida foi tomada com base nos argumentos dos secretários da Defesa, Robert Gates, e de Estado, Hillary Clinton, de que as imagens “medonhas” poderiam inflamar extremistas e causar riscos à segurança nacional e aos cidadãos americanos no exterior. O terrorista mais procurado pelos EUA nos últimos dez anos foi baleado no rosto e no peito por militares das forças especiais da Marinha americana durante uma operação no último domingo em Abbottabad, no Paquistão. “Nós não mostramos troféus”, disse Obama em entrevista a CBS. O porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, disse que apenas os relatos escritos sobre o funeral de Bin Laden poderão ser divulgados oportunamente. A descrição mostrará que “os EUA tiveram mais respeito com o corpo de Bin Laden do que ele teve com as vítimas” dos ataques do 11 de Setembro. Conforme insistiu, a missão militar ocorreu “completamente dentro das leis da guerra” e foi qualificada como uma “operação de autodefesa”. (Págs. 1 e Internacional A14 a A20)

Caso inclui tortura
O diretor da CIA e futuro secretário da Defesa dos EUA, Leon Panetta, admitiu que “algumas informações valiosas” sobre Bin Laden foram obtidas por meio de “métodos reforçados de interrogatório”. (Págs. 1 e Internacional A15)

Currículo do ensino médio deverá ser flexibilizado
O Conselho Nacional de Educação aprovou as novas diretrizes do ensino médio, que agora precisam ser homologadas pelo Ministério da Educação. Elas visam a dar mais autonomia às escolas na definição da grade curricular. Uma escola de uma região industrial, por exemplo, poderia enfocar a área de tecnologia, abrindo mais espaço às disciplinas de física e química. Outra medida permite que os estudantes de ensino médio noturno tenham mais tempo para concluir os estudos. (Págs. 1 e Vida A27)

Análise: Mozart Neves Ramos

O que vai mudar

O jovem quer uma escola que caiba em sua vida e, hoje, ele não a encontra no ensino médio. É preciso oferecer um ensino motivador. (Págs. 1 e Vida A28)

Desmatadores se antecipam ao Código Florestal
A expectativa de reforma no Código Florestal foi acompanhada pelo aumento do desmatamento na Amazônia, sobretudo em Mato Grosso e no Pará. Para autoridades, trata-se de uma tentativa de criar novas áreas de ocupação consolidada na Amazônia. (Págs. 1 e Vida A30)

Governo usará o câmbio para tentar baixar inflação
Estratégia é importar produtos para consumo interno

Depois de ter adotado diversas medidas para tentar segurar a alta do real, o governo decidiu não fazer mais intervenções ousadas e vai aproveitar o dólar baixo para importar produtos que complementem o consumo interno e ajudem a conter a inflação. O ministro Fernando Pimentel (Desenvolvimento) disse na segunda-feira que o “câmbio vai continuar no atual patamar este ano” e “os exportadores vão ter que conviver com isso”. (Págs. 1 e Economia B1)

Doação a desabrigados fica com vereadores (Págs. 1 e Cidades C1)

PSD de Kassab vai controlar R$ 60 bilhões (Págs. 1 e Nacional A4)

Celso Ming
A carga dos alimentos
Não dá para contar com o esvaziamento “espontâneo” da inflação nos próximos meses, como vem sugerindo tanto Mantega como Tombini. (Págs. 1 e Economia B2)

Notas & Informações
Mantega e o direito de retaliar
Na ideologia petista, o governo pode retaliar empresas privadas, como tentou fazer na Vale. (Págs. 1 e A3)

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *