‘Bolsa-aluguel’ eleva salário de promotores em 5 Estados Benefício temporário é incorporado à remuneração, que em muitos casos supera o teto constitucional Promotores e...

‘Bolsa-aluguel’ eleva salário de promotores em 5 Estados
Benefício temporário é incorporado à remuneração, que em muitos casos supera o teto constitucional

Promotores e procuradores estão se valendo de legislação que eles mesmos criaram – e que só eles podem mudar para engordar os próprios salários. Documentos obtidos pelo Estado revelam que ao menos 950 deles recebem mensalmente auxílio-moradia de até R$ 4,8 mil. A regalia é paga até a promotores aposentados, informam os repórteres Felipe Recondo e Leandro Colon. O benefício deverá ser temporário, mas é liberado em pelo menos cinco Estados: Amapá, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Santa Catarina. São gastos R$ 40 milhões por ano essa despesa dos promotores, cujos salários chgam a R$ 24 mil. Investigação do Conselho Nacional ddo Ministério Público mostra que, com a incorporação do auxílio, a remuneração supera o teto constitucional de R$ 26,7 mil. (Pág.1,Nacional/Pág. A4)

Beneficiados invocam lei
Os ministérios Públicos estaduais alegam que pagam o auxílio-moradia a seus membros com base em Leis regionais. (Pág.1, Nacional/Pág.A6)

Ministra recebe auxílio por dia não trabalhado
A ministra Ana de Hollanda (Cultura) recebe do governo diárias em fins de semana sem compromissos oficiais no Rio, onde tem residência. Ela costuma marcar compromissos oficiais fora de Brasília, sobretudo no Rio, às sextas e segundas e receber diárias até mesmo por sábados e domingos não trabalhados. A ministra admite ter levado o auxílio sem agenda oficial, mas alega que sai mais barato do que fazer nova viagem de ida e volta a Brasília. (Pág.1, Nacional/Pág. A10)

Aeroporto pode ter leilão só em 2012
O leilão de concessão das obras dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília pode acabar ficando apenas para maio de 2012, mostra estudo da Infraero e da Secretaria de Aviação Civil Civil ao qual o Estado teve acesso. Mesmo que o leilão seja antecipado, porém, especialistas dizem que as obras terão de ser aceleradas para atender a Copa. (Pág.1 Economia/Pág. B1)

João Bosco Rabello
Entre a ofensa e a opinião
A senadora Marta Suplicy (PT-SP) se mobiliza para tentar atender reivindicação de religiosos na questão da criminalização da homofobia. (Pág.1, Nacional/Pág. A10)

Favela, florestas e dúvidas no caminho do Rodoanel(Pág.1, Metrópole/Págs. C1 e C3)

Notas e Informações
Confusão nos mercados
Há poucas apostas mais ou menos seguras neste momento sobre as tendências da economia. (Pág.1 e A3)

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *