O desdém do PT com a senadora Marina Silva (PT-AC) pode custar ao partido a saída dela da legenda. A parlamentar, ex-ministra do Meio...

furoO desdém do PT com a senadora Marina Silva (PT-AC) pode custar ao partido a saída dela da legenda. A parlamentar, ex-ministra do Meio Ambiente, iniciou conversações sérias para se filiar ao PV. O primeiro encontro estava marcado para hoje. A negociação ainda é incipiente, mas a legenda sonha em ver Marina disputando o Palácio do Planalto ou reeleita senadora pela sigla, em 2010. Para tanto, ela teria de anunciar a mudança até setembro – prazo para troca de partido tendo em vista as próximas eleições. Símbolo da ala ambiental do PT, ela teria postura independente no novo partido.

A relação entre Marina e o PT se deteriora a olhos vistos, desde a época em que ela ainda era a ministra do Meio Ambiente. No fim de sua passagem pela pasta, e até mesmo como senadora, a parlamentar acriana foi desmoralizada publicamente pelo governo, mais do que qualquer ministro que tenha passado pela Esplanada dos Ministérios desde a primeira posse de Lula, em 2003. A pá de cal na relação entre o partido e a senadora foram a aprovação da MP 458, que prevê a regularização fundiária de 67 milhões de hectares da Amazônia, e o enquadramento imposto pelo Palácio do Planalto aos senadores petistas no caso Sarney.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *