Com informações da Folha Online. O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, afirmou hoje que a crise que atinge o Senado há cerca de seis...

Com informações da Folha Online.

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, afirmou hoje que a crise que atinge o Senado há cerca de seis meses está afetando todos os setores do país. Segundo o chefe da pasta, a Casa precisa encontrar com urgência uma saída para esta situação.

Entretanto, Lupi evitou se posicionar sobre a permanência do presidente José Sarney no comando da instituição e completou que ninguém poderia pedir ao político que renunciasse como uma medida para conter a série de escândalos que afundaram o Senado num lamaçal.

O ministro alfinetou o Democratas, dizendo que o partido faz parte da mesa diretora da Casa e que, portanto, teria participação na crise, e reiterou que apoiará a candidatura da ministra Dilma Rousseff à presidência da República no ano que vem.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *