Perda de caixa preocupa indústria da construção Quatro anos depois de as construtoras terem invadido a bolsa brasileira em busca de recursos para financiar...

Perda de caixa preocupa indústria da construção
Quatro anos depois de as construtoras terem invadido a bolsa brasileira em busca de recursos para financiar seu crescimento, os investidores começam a querer ver a cor do dinheiro.
PDG, Gafisa, Cyrela, MRV, Rossi, Brookfield, Even, Eztec, Viver e JHSF, as dez incorporadoras imobiliárias que compunham o índice do setor na bolsa (Imob) até abril, tiveram lucro somado de R$ 8,5 bilhões desde 2008 até março deste ano. No mesmo período, a “queima de caixa” dessas companhias foi de R$ 14,4 bilhões. Se for desconsiderada a captação por meio de emissão de ações, a perda de caixa seria ainda maior, de R$ 20 bilhões. (págs. 1 e D3)

STJ mantém penhora de dividendos
Um tema que parecia estar resolvido entre companhias abertas e o Fisco ganhou novo rumo neste mês, com um julgamento do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A Corte manteve o bloqueio de R$ 67,7 milhões em dividendos da Telemar Norte Leste (atual Oi), ocorrido em 2009, para garantir o pagamento de dívidas previdenciárias discutidas na Justiça.
A novidade da discussão é que a operadora havia oferecido fiança bancária como garantia, aceita pelo Fisco. Nesses casos, normalmente a Fazenda Nacional – que possui orientação interna nesse sentido – não pede a penhora em dinheiro porque o débito estaria garantido pela fiança. Apesar disso, o Fisco argumentou no processo que a empresa devia R$ 67,7 milhões, mas iria distribuir mais de R$ 3 bilhões em dividendos. O STJ julgou que a Fazenda pode, a qualquer momento, pedir a substituição de fiança por dinheiro. (Págs. 1 e E1)

Preço da carne de frango tem forte baixa
Oferta maior, câmbio menos competitivo nas exportações e queda nos valores da carne bovina derrubaram os preços do frango no mercado doméstico. Um quilo da ave viva, que chegou a alcançar R$ 2,10 em São Paulo, era negociada ontem a R$ 1,60. Os preços do frango abatido resfriado também perderam força – baixaram 21%, de R$ 3,16 o quilo em dezembro para R$ 2,48 ontem.
O preço do frango subiu no segundo semestre do ano passado impulsionado pela demanda, porque os consumidores deixaram de comprar carne bovina, que teve alta expressiva. Exportações de carne de frango também ajudaram a sustentar os preços no mercado doméstico. (Págs. 1 e B12)

Foto legenda: Cobrança sueca
Em entrevista ao “Valor”, em Brasília, o primeiro-ministro da Suécia, o economista Fredrik Reinfeldt, foi duro com os países em crise na Europa: “Eles não tiveram disciplina fiscal”. (Págs. 1 e A16)

Palocci cita ex-ministros para explicar patrimônio
O ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, citou ex-ministros para se defender das suspeitas de enriquecimento ilícito durante os quatro anos em que, entre suas duas passagens pelo governo federal, exerceu o mandato de deputado. A nota cita Pérsio Arida, André Lara Resende, Pedro Malan, Mailson da Nóbrega, Armínio Fraga, Henrique Meirelles e Alcides Tápias. A passagem pelo governo proporciona uma “experiência única que dá enorme valor a esses profissionais no mercado”, diz o texto.
O ministro afirma que não é proibido a parlamentares exercer atividade empresarial e cita que 273 são sócios de empresas. Segundo a nota, sua evolução patrimonial é fruto da atividade de consultoria. Aos aliados no Congresso, o ministro diz que não pode divulgar o nome de seus clientes devido a cláusulas de confidencialidade. (Págs. 1, A10 e A11)

Sara Lee quer negócio de café do Maratá
A Sara Lee, que tem 22,3% do mercado de café do país, negocia a compra da divisão de café do grupo sergipano Maratá. O valor é estimado em R$ 1 bilhão e envolve uma das sete fábricas do Maratá, em Itaporanga d’Ajuda (SE). A unidade, que além de café produz refrescos em pó e chás de infusão, fatura R$ 600 milhões por ano, quase metade das vendas do grupo. Se confirmada, a compra abrirá as portas do Nordeste para a Sara Lee. Na região, a liderança do mercado de café é disputada pelo Maratá e a torrefadora 3 Corações. A Bunge, outra multinacional americana de alimentos, também está interessada na empresa. (Págs. 1 e B11)

Sony não garante segurança
Depois de levar semanas para solucionar uma falha de segurança gigantesca, o presidente da Sony, Howard Stringer, disse que não pode garantir a segurança de sua rede de videogame ou de qualquer outra rede da web no “maléfico mundo novo” do cibercrime.
A Sony restaurou parcialmente dois de seus sistemas, depois que uma falha de segurança permitiu o vazamento de dados pessoais de mais de 100 milhões de assinantes. Embora a Sony tenha recuperado parte da PlayStation Network nos Estados Unidos e na Europa, e também tenha incrementado as medidas de segurança, Stringer disse que a manutenção da segurança do serviço é um “processo interminável” e que ele não sabe se alguém pode estar “100% seguro”. (Págs. 1 e B9)

Rotatividade de CEOs é maior no Brasil
As empresas brasileiras estão entre as que mais trocam de CEOs. A taxa de rotatividade no cargo em 2010 foi de 16,8%, acima da média global de 11,6%. Também foram as que mais demitiram presidentes por mau desempenho na condução dos negócios, ao lado das russas e indianas. “Quando a economia cresce, a pressão por resultados aumenta”, explica Ivan de Souza, presidente da Booz&Company. A consultoria realizou um levantamento com 2,5 mil das maiores empresas globais de capital aberto, com faturamento superior a US$ 2,8 bilhões.
Embora o estudo mostre que os líderes formados “em casa” conseguem dar um melhor retorno aos acionistas, em economias emergentes como a brasileira a maior parte das substituições ainda é feita por profissionais trazidos do mercado. Isso porque não há tempo de formar sucessores na mesma velocidade de crescimento das companhias. (Págs. 1 e D12)

Banco Central proíbe franquia de crédito a bancos (Págs. 1 e C1)

Magna planeja mais quatro fábricas na América do Sul, diz Walker (Págs. 1 e B8)

Repasse ao consumidor emergente
Análise dos balancetes de algumas das principais multinacionais de consumo do mundo mostra que, neste ano, essas empresas conseguiram repassar aumentos de preços de até 6% em países emergentes, sem afetar o volume de vendas. (Págs. 1 e B4)

ALL construirá megaterminal
A América Latina Logística (ALL) vai investir R$ 730 milhões na construção do maior terminal de commodities agrícolas do país, em Rondonópolis (MT). Além de grãos, fertilizantes e algodão, haverá movimentação de produtos frigorificados, combustíveis e madeira, diz Sérgio Nahuz. (Págs. 1 e B7)

UE põe carne irlandesa na berlinda
Autoridades da União Europeia acabam de apontar deficiências no sistema de rastreabilidade de bovinos na Irlanda, num duro golpe para a pecuária do país, cujos produtores estão entre os principais opositores às importações de carne bovina brasileira. (Págs. 1 e B12)

Carnes por trigo
O governo brasileiro fechou acordo com autoridades de Moscou para acelerar a reabilitação de 29 frigoríficos brasileiros para exportação, em troca do aumento da importação de trigo russo. (Págs. 1 e B12)

Burrill terá fundo no Brasil
A gestora americana Burrill & Company, com mais de US$ 1 bilhão em ativos administrados no mundo, avança na constituição de um fundo de US$ 200 milhões para investir em empresas inovadoras no Brasil. (Págs. 1 e C8)

Bird vê fim do reinado do dólar
O Banco Mundial prevê que o dó1ar perderá sua hegemonia na economia mundial até 2025, com o euro e yuan estabelecendo-se em condições de igualdade dentro de um novo sistema monetário de “múltiplas moedas”. (Págs. 1 e C8)

CVC venderá US$ l bi em ações
A CVC, maior operadora de turismo do país, controlada pelo fundo Carlyle e o empresário Guilherme Paulus, pretende captar US$ 1 bilhão com uma oferta pública secundária no segundo semestre. (Págs. 1 e D4)

Ideias
Cristiano Romero
A queda sazonal do IPCA nos próximos meses não desviará o Banco Central da tarefa de encarar a inflação de 2012 em 4,5%. (Págs. 1 e A2)

Ideias
Pedro de Camargo Neto
A Rodada Doha perdeu seu momento e a cada dia fica mais claro que dificilmente chegará a um final. (Págs. 1 e A11)

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *