Destaques dos jornais de hoje – Correio Braziliense

Crescem as suspeitas de pane no barco
João Antônio Fernandes Rocha, 6 meses; Ester Araújo de Oliveira, 10 anos; Flávia Daniela Pereira Dornel, 22 anos; Robson Araújo de Oliveira, 29 anos; Valdelice Souza Fernandes, 35 anos; Vicente Carneiro de Sousa Neto, 37 anos; Paulo de Mello, 39 anos; Adail de Souza Borges, 46 anos

O mais grave acidente da história do Lago Paranoá tem oito vítimas identificadas. As equipes de resgate acreditam que ainda há pelo menos um corpo submerso, provavelmente preso à embarcação. As investigações e o relato de testemunhas reforçam as suspeitas de que o barco, com mais de 100 pessoas a bordo, navegava com problemas. Além de uma rachadura na estrutura que auxiliava na flutuação do Imagination, a polícia apura a ocorrência de falhas mecânicas. O eletricista Hilton Gomes, sobrevivente do naufrágio, também estava no barco na noite de sábado. Na véspera da tragédia, segundo ele, o Imagination apresentou picos de energia e panes do motor. Há indícios também de negligência com a segurança: mais relatos indicam que os passageiros tiveram dificuldade p

ara acessar os coletes salva-vidas e não receberam orientação de como utilizar o equipamento de segurança. (Pág. 1, 19 a 23)

Ruralistas vencem governo e aprovam código (Págs. 1, 2 a 4)

Combustíveis: Preços em queda
O litro da gasolina caiu R$ 0,20 nos postos do DF e chegou a R$ 2,71. O álcool já é vendido até por R$ 1,90. (Págs. 1 e 28)

Seu bolso: Planos de saúde vão subir 6,6%
O índice de reajuste, acima da inflação dos últimos 12 meses, foi definido ontem pela agência que controla o setor e terá que ser aprovado pelo Ministério da Fazenda. O aumento vai atingir as mensalidades de 7,8 milhões de conveniados. (Págs. 1 e 9)

Telefonia: Entorno com preço local
As ligações para cidades como Águas Lindas e Formosa deixarão de ser tarifadas como DDD, a partir de sábado.(Págs. 1 e 29)

Pimenta Neves: Jornalista é preso após 11 anos
Condenado pelo assassinato da ex-namorada, Antônio Marcos Pimenta Neves foi levado para a cadeia para cumprir pena de 15 anos. O crime aconteceu em 2000, no interior paulista, e STF decretou ontem a detenção do réu em regime fechado. (Págs. 1 e 7)

Justiça: TST muda regras
Tribunal altera normas para jornada de trabalho, uso do vale-transporte, validade do dissídio e serviço terceirizado. (Págs. 1 e 6)

zp8497586rq
Comentários