Após derrota, Dilma cede a aliados no Congresso Presidente veta kit anti-homofobia, se aproxima de políticos e recorre a Lula Derrotada pela primeira vez...

Após derrota, Dilma cede a aliados no Congresso
Presidente veta kit anti-homofobia, se aproxima de políticos e recorre a Lula

Derrotada pela primeira vez em uma votação no Congresso, com seu principal ministro enfraquecido e em meio a um ambiente de crescente rebelião entre aliados, a presidente Dilma Rousseff foi obrigada a fazer concessões ao Legislativo.
O Planalto cedeu a bancada religiosa e suspendeu o kit anti-homofobia. Na votação do Código Florestal, em que o governo perdeu, católicos e evangélicos ameaçaram convocar Antonio Palocci (Casa Civil) para explicar seu patrimônio. (Págs. 1 e Pode' A4)

Planalto decide que vai avaliar toda divulgação sobre 'costumes' (Págs. 1 e Poder A8)

PSDB diz que Palocci pode ter ajudado WTorre junto à Receita
A liderança do PSDB na Câmara suspeita que pagamentos da Receita à WTorre estejam relacionados ao trabalho prestado a empresa por Antonio Palocci. No dia em que doou R$ 1 milhão à campanha de Dilma, a WTorre solicitou restituição de IR – paga em 44 dias.
A empresa disse que obteve logo a restituição graças a mandado de segurança. A Receita confirma. (Págs. 1 e Poder A10)

Foto legenda: Sem tributos
Fila em posto paulistano que vendeu o litro de gasolina a R$ 1,31 em protesto contra a carga tributária sobre combustíveis; preço normal é R$ 2,80. (Págs. 1 e Mercado B6)

Jânio de Freitas – O Lula que faz calúnia fácil volta agora para ajudar chefe da Casa Civil
O Lula que reaparece para “assumir a defesa” de Antonio Palocci, o qual já precisou afastar do governo por atitude delinquente e imoralidade administrati

order generic viagra online overnight

va, é um dos piores Lulas: o que faz calúnia fácil e desumana.
Atribuir segundas e outras intenções a jornalistas sérios atinge os profissionais que se esforçam por um jornalismo honesto. (Págs. 1 e Poder A8)

Força dos Brics não ameaça influência dos EUA, diz Obama
No parlamento britânico, barack Obama disse que o crescimento de países como China, Índia e Brasil não significa queda da influência dos EUA e da Europa. “O tempo para a nossa liderança é agora.” (Págs. 1 e Mundo A20)

Análise
Discurso está longe de ser estertor de gigante ferido de morte, escreve Clóvis Rossi. (Págs. 1 e Mundo A20)

Anvisa dá aval para vacina contra HPV para homens
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária aprovou vacina contra HPV (papilomavírus humano) para homens de 9 a 26 anos. A imunização previne verrugas genitais geradas, em especial, por dois tipos do vírus.
A Folha revelou ontem que cresceu no país o índice de casos de câncer de boca ligados a infecção por HPV via sexo oral. (Págs. 1 e Saúde C10)

Para Peluso, caso Pimenta indica que lei tem de mudar
O presidente do STF, Cezar Peluso, avalia que a demora em cumprir a condenação de Antônio Pimenta Neves confirma que é preciso mudar as leis para agilizar a aplicação de penas.
O jornalista disse que preferiria ter começado a cumprir pena logo.
“Assim teria voltado a ser um homem normal.” (Págs. 1 e Cotidiano C1 e C4)

Matéria-prima de genérico aumenta déficit comercial do setor de saúde (Págs. 1 e Mercado B1)

Contardo Calligaris
Fantasia no caso Strauss-Kahn não é 'simples' estupro. (Págs. 1 e Ilustrada E14)

Editoriais
“Pelo interesse público”, que questiona o silêncio do governo acerca do caso Palocci, e “O código do PMDB”, sobre a votação nova lei florestal. (Págs. 1 e Opinião A2)

zp8497586rq
Comentários