Com informações do Estadão. O governo estuda alterar, por prazo definido, a interpretação de dois dos principais artigos do Tratado de Itaipu, para permitir...

Com informações do Estadão.

O governo estuda alterar, por prazo definido, a interpretação de dois dos principais artigos do Tratado de Itaipu, para permitir que a estatal paraguaia Administração Nacional de Enrgia venda energia produzida pela usina binacional no mercado livre brasileiro. Essa seria uma saída para manter a integridade do tratado e atender a reivindicação paraguaia, feita durante acordo entre os presidentes do Brasil, Lula, e do Paraguai, Fernando Lugo. A mudança, entretanto, precisa ser aprovada pelo Congresso Nacional.

Para ler esta notícia na íntegra, basta clicar aqui.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *