Gasto com doentes sobe e pressiona Previdência Despesa extra com ajuda a trabalhadores afastados pode superar R$ l bi por ano A Previdência Social...

Gasto com doentes sobe e pressiona Previdência
Despesa extra com ajuda a trabalhadores afastados pode superar R$ l bi por ano

A Previdência Social poderá ter gasto adicional superior a R$ 1 bilhão por ano se o pagamento de auxílio-doença continuar a crescer.
De novembro de 2010 a abril deste ano, o número de concessões a trabalhadores afastados aumentou 16% em relação ao mesmo período anterior – a alta foi de 4% na totalidade de benefícios e de 6,6% na população com carteira assinada. (Págs. 1 e Poder A9)

Dilma recua de urgência contra o sigilo eterno
Os senadores Fernando Collor (PTB-AL) e José Sarney (PMDB-AP) reclamaram, e a presidente Dilma Rousseff desistiu de dar prioridade à votação no Congresso Nacional do projeto de lei sobre a divulgação de documentos oficiais.
O Planalto decidiu tirar a urgência do texto até que aliados no Senado cheguem a consenso. Para Sarney, o fim do sigilo eterno pode “abrir feridas”. Antes, Collor havia defendido que os congressistas debatessem mais o assunto. (Págs. 1 e Poder A4)

Primeiro projeto de Tiririca na Câmara prevê criação de ‘bolsa alfabetização’ (Págs. 1 e Poder A8)

Procon-SP quer intervenção na AES Eletropaulo (Págs. 1 e Cotidiano C8)

Itália decide que Berlusconi poderá ser alvo de processo
Os italianos impuseram o segundo revés ao primeiro-ministro Silvio Berlusconi em duas semanas. Planos do governo para imunidade judicial do gabinete e para a energia nuclear foram derrotados em referendo.
Votaram 57% dos eleitores – pelo menos 95% deles contra Berlusconi. O premiê amargou mau desempenho em eleições locais duas semanas atrás. (Págs. 1 e Mundo A11)

Só no grito
Hector Gonzales passou a madrugada de ontem no chão frio de Cumbica, esperando embarque a Buenos Aires atrasado devido às cinzas do vulcão Puyehue.

Não precisava: como o voo atrasou mais de quatro horas, teria direito a internet, alimentação e hotel. Mas empresas aéreas raramente dão esses benefícios garantidos por lei. Só ganha quem reclama. (Págs. 1 e Cotidiano C4)

Falha no Speedy deixa usuários sem rede em SP
Um apagão no Speedy, da Telefônica, deixou sem conexão parte dos 3,5 milhões de clientes no Estado de SP entre as 17h45 e as 18h30.
Depois do apagão, usuários ainda enfrentaram lentidão para navegar. A Anatel informou que o problema foi causado por uma falha em estações de rádio da Telefônica. (Págs. 1 e Mercado B9)

Vendas do setor de construção se desaceleram (Págs. 1 e Mercado B1)

Editoriais
Leia “Incêndio no quartel”, que defende punição aos líderes do motim no Rio, e “A escolha de Idelli”, sobre a nova ministra do governo Dilma. (Págs. 1 e Opinião A2)

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *