Era para ser a noite de Ricardo Amaral, jornalista de longa estrada que funcionou como assessor de Dilma Rousseff na campanha eleitoral. Ele lançou...

PHA procura ambiente... (foto de Márcio Chaer)

Era para ser a noite de Ricardo Amaral, jornalista de longa estrada que funcionou como assessor de Dilma Rousseff na campanha eleitoral. Ele lançou ontem à noite o livro “A Vida Quer é Coragem” na Livraria Saraiva do Shopping Higienópolis, em São Paulo, sobre os bastidores da campanha.

Aluga os ouvidos do constrangido Fernando Morais.. (foto de Márcio Chaer)

Por pouco, não foi.

Na longa fila de espera , um casal de blogueiros progressistas aguardava ansioso sua vez de  ganhar um autógrafo. Poucos metros atrás, uma amiga antiga de olhos ferinos observava a cena.

De repente, Luiz Dulci, ex-Secretário-Geral da Presidência da República, aproxima-se do casal ansioso. Estava acomapanhado de Clara Ant, companheira da diretoria do Instituto Lula.

Um pouco mais afastado, Márcio Chaer, do Consultor Jurídico, aponta a câmera para registrar a cena.

Dulci se aproxima do casal. Bate no ombro do blogueiro e indaga, pra todo mundo ouvir:

– Paulo Henrique! E o processo do Heraldo, como vai ?

... Tchau, gente! Fui!

Foi um constrangimento geral.

O blogueiro, descontrolado, repetia, freneticamente, seu mantra:

– Foi uma conciliação. Foi uma conciliação. O cara é um gênio. Ele não entendeu nada. Foi uma conciliação…

O chilique teve o efeito de um pum. Espalhou a roda.  PHA se viu sozinho, sem ambiente. E assim ficou até roubar de outra roda um constrangido Fernando Morais, cujos ouvidos alugou por alguns minutos.

O escritor logo encerra o assunto. E, de novo, o ansioso blogueiro se vê sem ter com quem conversar. Márcio Chaer clicava tudo. A amiga de outros tempos anotava tudo em seu notebook mental.

PHA então apelou, de longe, acenando para o amigo Luiz Nassif, que retribuiu com um sinal de positivo — mas sem chamá-lo para compartilhar sua roda.

O ansioso blogueiro deu o braço para sua esposa e se retirou.

A festa pode, enfim, acontecer. E Ricardo Amaral voltou a ser o foco do evento.

Comentários

  • Flávio Furtado de Farias

    15/03/2012 #1 Author

    Comentando apenas o aspecto estético da postagem (não seu conteúdo). O texto está bem construído. Acho que dá vida ao blog.
    Um texto divertido e bem bolado.
    Parabéns!

    Responder

  • A Carioca

    14/03/2012 #2 Author

    Faço das minhas palavras as palavras de Gonçalo. Os leitores da BESTA ou JEG só sabem espalhar mentiras, insultos. E bom que fiquem restritos aos blogs que acolham suas calúnias, injúrias e difamações.

    E digo, estou rindo muito da história do espalha-rodinha!!

    Responder

  • Sidney Miron

    14/03/2012 #3 Author

    Situação vexaminosa para PHA.

    Isso sem falar na vergonha alheia sentida pelos demais presentes.

    O nariz marrom enjeitado, chega quase a dar dó.

    Panunzio postei em meu blog duas materias suas sobre o PHA e a CEF, espero que não se importe, e aproveito para convidar a conhece-lo:

    sidneymiron.blogspot.com

    Grande abraço e continue lutando a boa luta.

    Responder

  • Rezende

    14/03/2012 #4 Author

    Ontem, no Jornal da Globo, o Willian Waack disse por engano “Governo da Globo”, corrigindo em seguida para “Jornal da Globo”. Comentei em casa que isso sairia no blog do ansioso blogueiro como “prova” de alguma coisa. Batata! Tá lá: “BOMBA ! QUEM GOVERNA O BRASIL É A GLOBO !”

    Responder

  • Gonçalo Osório

    14/03/2012 #5 Author

    Fábio,

    Eu te avisei. Você pode procurar nos últimos dias e vai encontrar um aviso meu dizendo que a esgotoestera descobrira teu blog ao você se dedicar ao sujeito que eles tem em tão alta estima (combinam perfeitamente, o blogueiro sujo e a esgotoesfera). Fiquei assistindo de arquibancada ao seu esforço de “moderação” em relação a indivíduos, esses sujos da esgotoesfera, que não estão interessados em argumentos mas, sim, em atacar reputações. Registro — sem satisfação alguma, sinceramente — que você agora decidiu não publicar sacanagens contra você, pois, parece-me, entendeu a verdadeira natureza dessa campanha organizada atrás do anonimato da internet contra jornalistas que tentam desempenhar seu trabalho de maneira independente. Prepare-se para coisas piores. Repito meu conselho de alguns dias atrás: mande-os de volta à esgotoesfera. A única maneira que essa gente imunda tem para aparecer é tentando ser lida em lugares sérios como este teu espaço. Não lhes conceda essa oportunidade, pelo bem do País. E do teu fígado, claro, que ninguém é de ferro.

    Responder

  • Fernando

    14/03/2012 #6 Author

    “Polí­tica, economia, cultura segundo o jornalista Fábio Pannunzio”, com esse tipo de postagem? Então tá!

    Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *