O presidente do Senado, José Sarney, tem mais um aliado no plenário da Casa. No discurso em que justifica todas as denúncias contra ele,...

O presidente do Senado, José Sarney, tem mais um aliado no plenário da Casa.

No discurso em que justifica todas as denúncias contra ele, o parlamentar utiliza um meio bastante frequente em palestras: o Power Point.

Em slides, ele apresentou todos os atos ditos secretos expedidos ao longo dos últimos 14 anos e que tomaram não só a gestão dele como também de outros parlamentares. Segundo Sarney, neste período “só fiz corrigir erros e tomar medidas reparadoras”.

Como se vê, a culpa não é dele. Agora, Sarney mostra que vem sendo acusado mais uma vez injustamente. Sarney lista, neste momento, todos os supostos parentes que a mídia denunciou como se ele tivesse empregado no Senado. E o presidente volta a afirmar que não sabe de nada. Desconhece os mais de dez empregados e apenas diz conhecer Vera Portela Macieira Borges. A mulher foi requisitada por ele para trabalhar no próprio gabinete.

Comentários


Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *