Direitos humanos Justiça Notí­cias

PGR: mãe de anencéfalo deve decidir sobre interrupção da gravidez

Com informações da Agência de Notícias do STF

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, apresenta neste momento o parecer da entidade na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 54, que discute a antecipação terapêutica do parto de fetos anencéfalos. Para a PGR, os dispositivos do Código Penal questionados na ADPF 54 violam preceitos fundamentais da Constituição, ao proibir a antecipação voluntária da gravidez nesses casos.

via Notícias STF :: STF – Supremo Tribunal Federal.

Comentários

Related posts

Heraldo, a cor e a alma

Fábio Pannunzio

Doações ligam governador de Tocantins a Cachoeira

Delta é proibida de contratar novas obras

Leave a Comment