Direitos humanos Justiça Notí­cias

PGR: mãe de anencéfalo deve decidir sobre interrupção da gravidez

Com informações da Agência de Notícias do STF

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, apresenta neste momento o parecer da entidade na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 54, que discute a antecipação terapêutica do parto de fetos anencéfalos. Para a PGR, os dispositivos do Código Penal questionados na ADPF 54 violam preceitos fundamentais da Constituição, ao proibir a antecipação voluntária da gravidez nesses casos.

via Notícias STF :: STF – Supremo Tribunal Federal.

Related posts

A convicção de conveniência de Gilmar Mendes

Fábio Pannunzio

Câmara ensaia absolvição de deputados da bancada de Cachoeira

Depois de 8 dias detido, jornalista do “Estado” é solto

Bruna Pannunzio

Leave a Comment