Blog do Pannunzio

Airfrance confirma desaparecimento do voo AF-447

A empresa Air France, proprietária do Airbus A-330/200 que fazia a rota Rio de Janeiro – Paris com 228 pessoas a bordo, confirmou formalmente o desaparecimento da aeronave. Pelas informações disponíveis até agora, ele sumiu do radar de Fernando de Noronha 3h16m depois de decolar de Garulhos.

A única pista do que pode ter provocado o acidente é a comunicação de uma pane elétrica, feita pelos pilotos à Air France. Os problemas teriam acontecido em decorrência de uma turbulência que o avião enfrentou. Todos os comandos de vôo dos Airbus são feitos por cabos elétricos.

As buscas se concetram nos arredores do arquipélago de Fernando de Noronha, que fica 250 quilômetros a oeste do litoral de Pernambuco. A queda da aeronave deve ter ocorrido bem próximo à ilha, que é um dos pontos da rota para o continente europeu.

A última vez que uma tragédia das proporções da que se anuncia aconteceu nesta rota foi em 1973, quando um avião da Varig pegou fgo em pleno vôo e fez um pouso forçado num campo de cebolas, a poucos metros da cabeceira da pista de Orly. Além de alguns tripulantes, apenas um passageiro se salvou. As mortes ocorreram por sufocação pela fumaça tóxica.

Comentários

Related posts

“Arruda afasta qualquer possibilidade de renúncia”, diz Fraga durante visita

Após pré-sal, governo avança em mineração e eletricidade

Fábio Pannunzio

Polícia Federal conclui laudos de vídeos de suposto esquema de corrupção no DF – Agência Brasil

Fábio Pannunzio

Leave a Comment